A Queda dum Anjo

de Camilo Castelo Branco

editor: Livraria Civilização Editora, novembro de 2012
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Calisto Elói é um erudito fidalgo transmontano, austero e conservador, ligado ao passado, às lições da História, às antigas noções de moralidade e bondade e mergulhado constantemente nos seus clássicos de História, Cultura, Música, Vinhos, Filosofia. Eleito deputado do Minho, Calisto é enviado para Lisboa como representante da região. Defensor acérrimo das suas convicções sobre a moral, a verdade e a justiça, a sua cruzada contra a depravação e a corrupção acaba esquecida, quando ele próprio se deixa corromper pelo luxo e pelo prazer que imperam na capital, tomando como amante uma prima afastada, Ifigénia, e transitando da oposição miguelista para o partido liberal no governo. Ironicamente, Teodora, esposa de Calisto, acaba por imitá-lo na devassidão: desprezada pelo marido, une-se a um primo interesseiro e sucumbe aos vícios da modernidade.

A Queda dum Anjo

de Camilo Castelo Branco

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722635905
Editor: Livraria Civilização Editora
Data de Lançamento: novembro de 2012
Idioma: Português
Dimensões: 148 x 210 x 17 mm
Encadernação: Capa dura
Páginas: 191
Tipo de produto: Livro
Coleção: Novos Clássicos
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789722635905
e e e e E

Desafiante, mas fantástico

Carolina Marques

De início, achei-o um pouco aborrecido, talvez até chegar ao 2º capítulo, mas agora estou a adorar! É um livro desafiador pelo vocabulário vasto que é aplicado, mas interessante e com um toque satírico que lhe assenta bem.

Camilo Castelo Branco

Nasceu em 1825, em Lisboa, e faleceu em 1890, em S. Miguel de Seide (Famalicão). Com uma breve passagem pelo curso de Medicina, estreia-se nas letras em 1845 e em 1851 publica o seu primeiro romance, Anátema. Em 1860, na sequência de um processo de adultério desencadeado pelo marido de Ana Plácido, com quem mantinha um relacionamento amoroso desde 1856, Camilo e Ana Plácido são presos, acabando absolvidos no ano seguinte por D. Pedro V. Entre 1862 e 1863, Camilo publica onze novelas e romances, atingindo uma notoriedade dificilmente igualável. Tornou-se o primeiro escritor profissional em Portugal, dotado de uma capacidade prodigiosa para efabular a partir da observação da sociedade, com inclinação para a intriga e análise passionais. Considerado o expoente do romantismo em Portugal, autor de obras centrais na história da literatura nacional, como Amor de Perdição, A Queda dum Anjo e Eusébio Macário, Camilo Castelo Branco, cego e impossibilitado de escrever, suicidou-se com um tiro de revólver a 1 de Junho de 1890.

(ver mais)
Amor de Perdição

Amor de Perdição

20%
Livraria Civilização Editora
6,39€ 7,99€
Viagens na Minha Terra

Viagens na Minha Terra

10%
Livraria Civilização Editora
7,99€ 10% CARTÃO
A Queda dum Anjo

A Queda dum Anjo

10%
Âncora Editora
19,00€ 10% CARTÃO
portes grátis
A Morgadinha dos Canaviais

A Morgadinha dos Canaviais

20%
Editora Guerra & Paz
13,20€ 16,50€