10% de desconto

Amor de Perdição

Livro de bolso

de Camilo Castelo Branco

editor: 11 X 17, novembro de 2015
RECOMENDADO PELO PLANO NACIONAL DE LEITURA i
Foi na prisão, inspirado pela sua própria vivência pessoal, que Camilo Castelo Branco escreveu Amor de Perdição, uma das suas obras mais divulgadas, um romance que gira em torno de dois jovens de famílias rivais, Simão Botelho e Teresa Albuquerque, que se apaixonam perdidamente um pelo outro.

Amor de Perdição

Livro de bolso

de Camilo Castelo Branco

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722531016
Editor: 11 X 17
Data de Lançamento: novembro de 2015
Idioma: Português
Dimensões: 113 x 170 x 13 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 232
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789722531016
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
e e e e e

Um clássico imperdível da literatura portuguesa

Ana T.

Amor de perdição é um clássico intemporal e que deveria ser lida por todos os apreciadores de literatura portuguesa. Uma boa obra de arte.

e e e e e

Imperdível

Sofia

Como sempre, Camilo Castelo Branco com poucas palavras, conta-nos tudo.

e e e e E

Amor de perdição - critica

João Calarrão

Está é uma obra sublime de leitura rápida, com os elementos essenciais do romantismo quase custa a acreditar que uma obra assim foi escrita em tão pouco tempo.

e e e e e

Amor de perdição

Rafael Almeida

Divinal ! Um autor de leitura obrigatória, este livro é exemplo disso. Recomenda-se.

e e e e E

Bom livro

Tânia Tomás

Tive de o ler para a escola e gostei bastante.

Camilo Castelo Branco

Nasceu em 1825, em Lisboa, e faleceu em 1890, em S. Miguel de Seide (Famalicão). Com uma breve passagem pelo curso de Medicina, estreia-se nas letras em 1845 e em 1851 publica o seu primeiro romance, Anátema. Em 1860, na sequência de um processo de adultério desencadeado pelo marido de Ana Plácido, com quem mantinha um relacionamento amoroso desde 1856, Camilo e Ana Plácido são presos, acabando absolvidos no ano seguinte por D. Pedro V. Entre 1862 e 1863, Camilo publica onze novelas e romances, atingindo uma notoriedade dificilmente igualável. Tornou-se o primeiro escritor profissional em Portugal, dotado de uma capacidade prodigiosa para efabular a partir da observação da sociedade, com inclinação para a intriga e análise passionais. Considerado o expoente do romantismo em Portugal, autor de obras centrais na história da literatura nacional, como Amor de Perdição, A Queda dum Anjo e Eusébio Macário, Camilo Castelo Branco, cego e impossibilitado de escrever, suicidou-se com um tiro de revólver a 1 de Junho de 1890.

(ver mais)
Amor de Perdição

Amor de Perdição

10%
Porto Editora
8,85€ 10% CARTÃO
Amor de Perdição

Amor de Perdição

10%
Porto Editora
7,75€ 10% CARTÃO
A Cidade e as Serras

A Cidade e as Serras

10%
11 X 17
8,00€ 10% CARTÃO
A Ilustre Casa de Ramires

A Ilustre Casa de Ramires

10%
11 X 17
7,00€ 10% CARTÃO