10% de desconto

O Problema Espinosa

de Irvin D. Yalom; Tradução: João Henrique Pinto

Livro eBook
editor: Saída de Emergência, novembro de 2012
Quando o jovem de dezasseis anos, Alfred Rosenberg, é chamado ao diretor devido a comentários antissemitas no liceu, é obrigado a estudar passagens sobre Espinosa. Rosenberg fica espantado ao descobrir que Goethe, o seu ídolo, era um grande admirador do filósofo português Bento Espinosa. Um judeu. Mais tarde na sua vida, Rosenberg continua a ser perseguido por esse «problema Espinosa»: Como poderia o génio Goethe inspirar-se num membro de uma raça inferior, uma raça que ele estava determinado a destruir?
Espinosa, um judeu português refugiado na Holanda, viveu uma vida de castigo e isolamento. Devido aos seus pontos de vista, foi excomungado da própria comunidade judaica de Amesterdão, e banido do único mundo que sempre conhecera. Apesar de viver com poucos meios, Espinosa produziu obras que mudaram o rumo da História.
Com o passar dos anos, Rosenberg tornou-se um ideólogo nazi eloquente, fiel servidor de Hitler, e principal responsável pela política racista do Terceiro Reich. Todavia, a sua obsessão por Espinosa continuava a afetá-lo.
O romancista de sucesso mundial Irvin D. Yalom explora a mente de dois homens separados por trezentos anos, dois homens que mudaram o rumo do mundo, as vidas interiores de Espinosa, o virtuoso filósofo secular, e de Rosenberg, o ímpio assassino de massas. Já o havia feito com Nietzsche e agora com o maior filósofo português de todos os tempos. Yalom tem um talento único para personificar de forma inesquecível os maiores pensadores da História. Deixa-nos fascinados e os seus livros marcam-nos para sempre.

«O grande visionário psiquiatra escreveu um romance acerca do grande visionário filósofo. Ambiciosa, erudita e envolvente, a narrativa entrelaçada de O Problema de Espinosa obriga o leitor a confrontar-se com uma questão fundamental: Poderá a razão exercer a sua força para sempre?»
Rebecca Newberger Goldstein, autora de Betraying Spinoza

«À semelhança de um bom professor, [Irvin Yalom] apresenta apenas algumas ideias de cada vez, e passa cuidadosamente de uma para a outra com frequente recapitulação... As conversas por ele criadas fornecem uma sedutora percepção da personalidade do filósofo [Espinosa] e proporcionam uma explicação lúcida acerca das suas mais importantes ideias sobre a Natureza, o livre-arbítrio e a razão.»
The Washington Post

«Este é o romance mais intrigante que eu li nos últimos anos. Irvin Yalon concebeu um livro tenso, profundamente informativo que nos prende da primeira à última página. Recomendo vivamente a leitura de O Problema de Espinosa
Sir Anthony Hopkins

«Apenas um autor incomparavelmente dotado poderia ter escrito um romance tão fascinante e estimulante.»
Dilip V. Jeste, Distinto professor de Psiquiatria e Neurociências, Universidade da Califórnia, São Diego

O Problema Espinosa

de Irvin D. Yalom; Tradução: João Henrique Pinto

Propriedade Descrição
ISBN: 9789896374648
Editor: Saída de Emergência
Data de Lançamento: novembro de 2012
Idioma: Português
Dimensões: 159 x 231 x 24 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 400
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789896374648
e e e e E

Incrível e informativo

Gonçalo Serrão

Apesar de o autor ter títulos mais interessantes, o livro não deixa de nos surpreender e agarra nos da primeira à última página. Recomendo o livro e o autor!

e e e e e

Recomendo

Ana Mota

Fantástico livro!!

e e e e e

A Experiência da Humanidade

Diren Kanji

O escritor, mais uma vez, oferece-nos uma narrativa que se torna numa luta entre duas personagens, neste caso Espinosa e Rosenberg. É uma luta intelectual, uma oposição de ideias, de formas de ver a vida, a sociedade e o valor do que nos rodeia. E, tal como nos anteriores livros, Yalom cria duas personagens de tal forma credíveis, tanto em termos psicológicos com em termos históricos, que acabamos no fim por reparar que nenhuma delas tem a totalidade da razão. É preciso sempre ver os dois lados. Com um realismo bem vincado nas suas personagens, principalmente na forma como o autor recria Espinosa a partir das suas ideias, vemos o choque da mentalidade criada por imposição contra a mentalidade recriada pelo pensamento e estudo. Mas não só. A diferença entre estes dois homens é o marco do livro, chegando a um ponto de qualidade só igualmente atingível pelo momento em que estas duas personagens percebem que em certos aspetos são tão parecidos. Outro aspeto bem presente neste livro, está na forma como molda a vida destas personagens por forma a nos mostrar, com ações, um pouco mais das suas personalidades. A disparidade com que cada um avança na sua vida, um isolado para uma maior compreensão, o outro necessitado de afeto e da presença de alguém que o enalteça, é, quase inexplicavelmente, suficiente para criarmos um esboço psicológico caso não o tenhamos feito ainda. A forma como o autor explora a mente humana é ímpar, pelo menos para mim, e alia a tal facto a capacidade de criar uma narrativa que não satura, pois tudo é explicado aos poucos de forma a criar um enredo ao mesmo tempo complexo mas de fácil compreensão.

e e e e e

"Tenho-me esforçado por não rir das ações humanas, por não deplorá-las nem odiá-las, mas por entendê-las."

Vitor Costa

Neste livro entramos dentro das vidas de duas personagens centrais, por um lado temos o Bento Spinoza, um judeu excomungado e filósofo do século XVII, do outro, Alfred Rosenberg, um forte ideólogo e criador de algumas das principais crenças do Nazismo, com uma estranha fascinação por Spinoza. Os capítulos vão alternando entre as vidas dos dois protagonistas, aquando de explorar a vida de Spinoza é nos permitido entrar dentro dos seus pensamentos e ideias, como mergulhar numa época conturbada, com a inquisição a perseguir os judeus por toda a Europa mas especialmente pelos governos ibéricos e luteranos alemães. A quando da vida de Reisenberg, é explorada a sua personalidade e pensamentos, a sua interacção com Hitler, além de episódios decisivos para a ascensão do nacional-socialismo na Alemanha (Partido Nazi). A forma que o autor cria diálogos ficcionais entre as personagens (que retratam pessoas reais) é credível, a narrativa explora diversos tópicos, onde podemos encontrar, filosofia, psicologia, teleologia, historia e politica, além que é nos apresentados uma dualidade de conceitos, pelo meio da narrativa, ainda temos acontecimentos históricos que se passaram no século XVII e no século XX. Mas não se pense que estamos perante uma leitura demasiada complexa pois, o autor conseguiu empregar uma perspectiva humana que facilita a compreensão das diversas ideias e pensamentos de uma forma fácil e simples, conseguindo assim abranger uma vasta audiência de leitores. É um livro que eu recomendo, que é tanto educacional como entretido.

e e e e E

Duas histórias separadas 300 anos, que ligam acontecimentos entre Portugal e a Alemanha nazi

Miguel

Um livro sublime. Para além de ser muito agradável em termos literários, nestas duas histórias paralelas, percebemos como os regimes totalitaristas permitem o sucesso de pessoas incompetentes e permite perceber também como é importante a tolerância numa sociedade para o desenvolvimento do pensamento filosófico, e o que Portugal perdeu depois do século XVI, por exemplo com a expulsão dos judeus.

Irvin D. Yalom

Irvin D. Yalom (Washington, DC, Estados Unidos, 13 de junho de 1931) é um escritor americano, filho de imigrantes russos. Formou-se em Psiquiatria na Universidade de Stanford e tornou-se conhecido quando a sua obra A Psicologia do Amor alcançou a lista de livros mais vendidos nos Estados Unidos no final dos anos 80. Tem publicado entre nós Quando Nietzsche Chorou, Mentiras no Divã, A Cura de Schopenhauer, De Olhos Fixos no Sol, Chamem a Polícia, A Psicologia do Amor, O Problema Espinosa, Criaturas de um Dia e Eu, Yalom.

(ver mais)
Quando Nietzsche Chorou

Quando Nietzsche Chorou

10%
Saída de Emergência
17,70€ 10% CARTÃO
portes grátis
A Psicologia do Amor

A Psicologia do Amor

10%
Saída de Emergência
15,50€ 10% CARTÃO
portes grátis
Os Irmãos Karamázov

Os Irmãos Karamázov

10%
Saída de Emergência
25,50€ 10% CARTÃO
portes grátis
Viagens

Viagens

10%
Cavalo de Ferro
21,95€ 10% CARTÃO
portes grátis