30% de desconto

Berta Isla

de Javier Marías; Tradução: Paulo Ramos

Livro eBook
editor: Alfaguara Portugal
Berta Isla é a história de uma mulher que espera e se transforma. A história de um amor imperfeito, como o são todos.
RECOMENDADO PELO PLANO NACIONAL DE LEITURA i
Berta casou com Tomás pensando que o conhecia desde sempre mas, na realidade, não sabia nada verdadeiramente importante sobre ele. Tomás escondia-lhe algo que não podia partilhar com ninguém, nem mesmo com ela. Berta Isla é a história de um homem que quer intervir na História, acabando desterrado do mundo.

É a história de uma mulher que espera por uma vida completa e, nessa espera, se transforma. É sobretudo uma história da fragilidade e tenacidade de uma relação condenada ao segredo, ao fingimento, ao desencontro; uma história de amor em que lealdade e ressentimento se entrelaçam.

«Um extraordinário narrador, um dos grandes, no sentido mais absoluto. Berta Isla é uma obra-prima. Marías é um mestre na arte de misturar quotidiano e paixão, mistério e banalidade, segredo e insinuação. Um dos seus grandes temas é o casamento, território em que se encontram e entrecruzam o amor e o desamor, a proximidade e a ausência, o segredo e a entrega.»
Claudio Magris, El Mundo

«Um romance maravilhoso. [...] Berta Isla recorda-nos por que razão a ficção, nas mãos dos seus melhores artesãos, continua a ser a única forma de nos conhecermos cabalmente.»
Juan Gabriel Vásquez, Babelia, El País

«Marías reinventou de forma extraordinária a sua própria obra, alcançando uma precisão, uma emoção, um mistério que raramente se encontram na literatura dos seus contemporâneos. Um romance soberbo.»
Fernando R. Lafuente, ABC Cultural

«Marías construiu uma obra-prima.»
José María Pozuelo Yvancos, ABC Cultural

«Penso que Berta Isla é um dos melhores - talvez o melhor - romances de Marías. [...] Admiro a sua capacidade para sondar os mais recônditos recantos da alma humana.»
Julia Navarro, ABC Cultural

«Berta Isla é um dos romances mais complexos e atrevidos romances do autor e, sem dúvida, o mais inquietante e desolado.»
José-Carlos Mainer, Babelia, El País

«A autenticidade, aliada ao talento narrativo, é uma das grandes virtudes de Marías. Berta Isla é disso um exemplo magnífico.»
J. A. Masoliver Ródenas, La Vanguardia

«O que cabe em Berta Isla somos nós. Aquilo que nos move e que nos dói. O que não sabemos, mas suspeitamos.»
Antonio Lucas, El Mundo

«Javier Marías criou um romance excepcional. Instalado numa altíssima categoria de qualidade literária, o talento do escritor não esmorece nem se conforma com os caminhos já explorados.»
Domingo Ródenas, El Periódico

Berta Isla

de Javier Marías; Tradução: Paulo Ramos

ISBN: 9789896655662
Editor: Alfaguara Portugal
Idioma: Português
Dimensões: 148 x 233 x 34 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 496
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789896655662
e e e e E

Apaixonante

C. Correia

Um excelente livro de Javier Marías. Com uma história cativante, narrada de forma a prender o leitor a um enredo bem construído e com uma sequência arrebatadora. Chama a si mistérios profundos tão comuns na sociedade actual, e que por vezes conectam com as próprias vivências do leitor.

e e e e e

ENIGMÁTICO

MANUELA RAMOS

LEITURA OBRIGATÓRIA

e e E E E

Tomás Nevinson

Carlos D.

Talvez, e por comparação, o título mais adequado à obra seria "Tomás Nevinson". Todo o enredo gira à volta do homem e não da mulher. Uma mulher escrita e descrita por outro homem que acaba por cair no estereótipo de mulher satélite. Repetitivo.

e e e e E

O estar e o esperar

Manuela Cunha

Como é que se morre durante doze anos sem morrer, afinal? Um livro sobre duas vidas que foram quatro, na verdade. Duas vidas de Tom e duas de Berta numa dualidade do estar e do esperar. Para Berta, uma longa espera no vazio, se é que alguma vez esperou algo realmente, muitas incertezas, ao mesmo tempo alguma transformação. Para Tom um completo engano, vivido e multiplicado ao serviço do reino e, no final, uma espécie de renascimento que, não deixa de ser outro engano. De ambos, restou pouco daquilo que chegaram a ser na verdade ou talvez aquilo que morrerá com eles - os segredos.

e e e e E

Duas vidas

https://nointeriordoslivros.blogspot.com

Berta Isla é um livro sobre uma mulher que ama e é amada. Sobre uma relação projectada na adolescência, quando, ainda jovem, o casal se conheceu e imaginou, até anos mais tarde, na vida adulta. Uma vida que não era aquela que desejavam, mas que foi aquela que se proporcionou e que ambos - Berta e Tomás, um homem que afirma pouco mais ter escolhido, no seu destino, do que a mulher a quem se juntou - aceitaram e viveram, adaptando-se-lhe com todas as suas forças e na medida das suas limitações. Javier Marias tem um estilo muito próprio de nos prender à sua escrita, dificultando-nos a decisão de pousar o livro, como se não quiséssemos interromper o curso do seu pensamento, a reflexão em que se lançou, onde nos embrenhou. É num ápice que chegamos ao fim sem darmos conta disso.

e e e e e

A mestria de Javier Marías

NA

Berta Isla é uma confirmação (como se esta fosse necessária) do domínio de JM na arte da narrativa, na tensão da construção do enredo, na definição da densidade psicológica das suas personagens. Berta Isla é um livro essencial.

e e e e e

Um mestre da narrativa

Mário Correia

Um livro obrigatório. Narrativa poderosa que nos coloca no centro de tantas impossibilidades que nos cercam. De certa maneira um livro sobre todos nós.

Javier Marías

Javier Marías (1951-2022), nasceu em Madrid.
Foi um dos mais destacados escritores espanhóis dos últimos cinquenta anos.
A sua obra encontra-se publicada em 46 idiomas e 59 países, com cerca de dez milhões de exemplares vendidos em todo o mundo.
Escreveu dezasseis romances, vários livros de contos e de ensaio, a maioria dos quais publicados em Portugal pela Alfaguara: Tomás Nevinson, Berta Isla (Prémio da Crítica), Assim começa o mal, Os enamoramentos (Prémio Giuseppe Tomasi di Lampedusa; Prémio Qué Leer), Coração tão branco (Prémio da Crítica; Prix l’Oeil et la Letre; IMPAC Dublin Literary Award), Amanhã na batalha pensa em mim (Prémio Fastenrath; Prémio Rómulo Gallegos; Prix Fémina Étranger), Todas as almas, a trilogia O teu rosto amanhã, e o volume de contos Não mais amores.
Pelo conjunto da sua obra, recebeu vários prémios e distinções:
Prémio Nelly Sachs (Dortmund, 1997); Prémio Comunidad de Madrid (1998); Prémio Grinzane Cavour (Turim, 2000); Prémio Alberto Moravia (Roma, 2000); Prémio Alessio (Turim, 2008), Prémio José Donoso (Chile, 2008); The America Award (2010) Prémio Nonino (Udine, 2011); Prémio Literário Europeu (2011); Prémio Formentor (2013); Prémio Boattari Lattes Grinzane (2015); Premio Liber (2017).
Entre as traduções de sua autoria, destaca-se Tristram Shandy (Prémio Nacional de Tradução em Espanha, 1979).
Foi professor na Universidade de Oxford e na Universidade Complutense de Madrid.
Foi, até à sua morte, membro da Real Academia Espanhola e em 2021 foi eleito membro internacional da Royal Society of Literature, a organização de beneficência do Reino Unido para a promoção da literatura.
Morreu em setembro de 2022, dias antes de completar setenta e um anos, deixando como legado aos seus leitores uma obra extraordinária, que perdurará no tempo.

(ver mais)
Alfaguara Portugal
17,96€ 19,95€
portes grátis
Relógio D'Água
17,10€ 19,00€
portes grátis
30%
Quetzal Editores
14,16€ 20% + 10% CARTÃO
portes grátis
30%
Alfaguara Portugal
14,96€ 20% + 10% CARTÃO
portes grátis