10% de desconto

Ronda das Mil Belas em Frol

de Mário de Carvalho

Livro eBook
editor: Porto Editora, setembro de 2016
Eis um livro de ficção sobre sexo. Todas as histórias nele contidas narram percalços, espantos e sobressaltos de ligações íntimas entre homens e mulheres. O que se desvenda, o que se oculta. Rasgos perversos. Permanências e rupturas.

Nem sempre se encontra o que se espera, nem se espera o que se encontra. A variedade é avassaladora. A diferença inevitável. Neste jogo de corpos enlaçados, não poucas leitoras ficarão admiradas com certo olhar masculino. Talvez passem a conhecer ainda melhor outras mulheres. E os leitores também não perdem nada em saber o que pode surpreendê-los nas voltas do mundo.

Excelente, excelente, excelente. Não é difícil aplicar este título à obra de Mário de Carvalho, mas dificilmente encontramos outro livro de contos do autor tão excelente como este.”

Miguel Real, Jornal de Letras

O humor é uma constante, os diálogos são ágeis e naturais,o vernáculo está oblutamente banido - não é por ele que a toada vinga nem o tema se impõe. As descrições […] vivem sempre da sua riqueza vocabular, léxico amplo, ecléctico (incluindo engenharia) e eficaz, que transforma a leitura num deleite. Apetece prolongar. A leitura, claro está.

Time Out Lisboa (5 *****)

Num tempo em que o vocabulário comum se vê reduzido a 100 palavras, e este patamar já corresponde a gente com responsabilidades na área da comunicação e da cultura, ler Mário de Carvalho reconcilia-nos com a língua.

Eduardo Pitta, Sábado (4 ****)

Estes contos são como uma nova arte de amar, muito depois de Ovídio.

Hugo Pinto Santos, Público (4 ****)

«O assunto já andou nas bocas do mundo literato, subitamente aterrado com a sua incapacidade de cobrir, com talento e com técnica, uma das forças motrizes da existência, por mais que isso afronte a consciência dos que aqui encontram exclusivamente uma via reprodutiva - os portugueses escrevem mal sobre sexo. Quedam-se, por norma ratificada pela estatística, de um dos lados da barricada: ou resvalam para a ordinarice, deslavada e bélica, ou tentam encaixar a verborreia nas descrições, com um desfecho ridículo e kitsch. Felizmente, há Mário de Carvalho. […] Dirão alguns: no que toca ao sexo, mais vale fazê-lo do que escrevê-lo. Com a devida licença, a sentença só ganhará em ser aplicada ou desmentida caso a caso. As provas disto mesmo são abundantes e apetitosas neste livro que, passe a expressão e fique a ideia, ganha o sabor de uma "rapidinha". »

João Gobern, Diário de Notícias

Ronda das Mil Belas em Frol

de Mário de Carvalho

Propriedade Descrição
ISBN: 978-972-0-04864-6
Editor: Porto Editora
Data de Lançamento: setembro de 2016
Idioma: Português
Dimensões: 142 x 210 x 11 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 104
Tipo de produto: Livro
Coleção: Obras de Mário de Carvalho
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 978972004864611
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
e e e e e

Romance poético e introspectivo

JM

"Ronda das Mil Belas em Frol" é um livro marcante e excepcionalmente bem escrito do renomado autor português Mário de Carvalho. Publicado pela primeira vez em 2003, este romance ganhador do Prêmio PEN Clube Português é uma narrativa envolvente e complexa que nos leva pela jornada de um protagonista em sua busca por redenção, amor e liberdade. A história se passa em uma vila imaginária chamada Frol, localizada numa região montanhosa de Portugal. O protagonista, conhecido apenas como Ronda, é um “degredado”, um homem condenado a viver isolado da sociedade após cometer um crime. Acompanhamos sua vida solitária na vila, onde cria aves de rapina e aprecia a natureza ao seu redor. A escrita de Mário de Carvalho é rica e poética, evocando uma atmosfera melancólica e misteriosa que permeia todo o livro. O autor nos presenteia com descrições detalhadas da paisagem, das estações do ano e da cultura da vila, criando uma verdadeira obra de arte literária. O enredo se desenrola através de uma série de flashbacks, nos quais somos apresentados ao passado de Ronda e descobrimos mais sobre o crime que o levou ao exílio. Esses retrocessos narrativos são habilmente entrelaçados na trama principal, revelando aos poucos os segredos ocultos que cercam a vida do protagonista. Essa estrutura narrativa, combinada com a habilidade de Mário de Carvalho em criar personagens complexos e vivos, mantêm o leitor totalmente imerso durante toda a leitura. Além do protagonista Ronda, outros personagens memoráveis habitam as páginas deste romance. Destaca-se, por exemplo, a figura enigmática de uma mulher chamada Mil, que traz uma centelha de esperança e desejo ao solitário Ronda. A relação entre eles é apresentada de maneira sutil e poética, adicionando camadas de profundidade à história. Outro elemento destacável é o uso da linguagem, mesclando diferentes estilos e registros, que enriquece ainda mais a narrativa. Mário de Carvalho brinca com as palavras, criando um verdadeiro espetáculo literário, levando o leitor a saborear cada frase e cada diálogo. Em "Ronda das Mil Belas em Frol", Mário de Carvalho entrega um romance poético e introspectivo, ao mesmo tempo que é repleto de ação e reviravoltas. O autor usa o poder da narrativa para explorar temas universais como culpa, redenção, livre-arbítrio e a dualidade da natureza humana. Sua escrita cativante e habilidosa faz com que este livro seja uma leitura imprescindível para qualquer amante da literatura contemporânea.

Mário de Carvalho

Mário de Carvalho nasceu em Lisboa em 1944. Licenciou-se em Direito e viu o serviço militar interrompido pela prisão. Desde muito cedo ligado aos meios da resistência contra o salazarismo, foi condenado a dois anos de cadeia, tendo de se exilar após cumprir a maior parte da pena. Depois da Revolução dos Cravos, em que se envolveu intensamente, exerceu advocacia em Lisboa. O seu primeiro livro, Contos da Sétima Esfera, causou surpresa pelo inesperado da abordagem ficcional e pela peculiar atmosfera, entre o maravilhoso e o fantástico.

Desde então, tem praticado diversos géneros literários – Romance, Novela, Conto, Ensaio, Crónica e Teatro –, percorrendo várias épocas e ambientes, sempre em edições sucessivas. Utiliza uma multiforme mudança de registos, que tanto pode moldar uma narrativa histórica como um romance de atualidade; um tema dolente e sombrio como uma sátira viva e certeira; uma escrita cadenciada e medida como a pulsão de uma prosa endiabrada e surpreendente.

Nas diversas modalidades de Romance, Conto, Crónica e Teatro, foram atribuídos a Mário de Carvalho os prémios literários mais prestigiados (designadamente os Grandes Prémios de Romance e Novela, Conto e Teatro da APE, o prémio do Pen Clube Português e o prémio internacional Pégaso de Literatura). Em 2020, foi distinguido com o Grande Prémio da Crónica e Dispersos Literários, da APE, pela obra O que Eu Ouvi na Barrica das Maçãs, e, em 2022, o seu De maneira que é claro... foi galardoado com o Grande Prémio de Literatura Biográfica Miguel Torga, da APE. Os seus livros encontram-se traduzidos em várias línguas.

Obras como Os Alferes, A Inaudita Guerra da Avenida Gago Coutinho, Um Deus Passeando pela Brisa da Tarde, O Varandim seguido de Ocaso em Carvangel, A Liberdade de Pátio ou Epítome de Pecados e Tentações são a comprovação dessa extrema versatilidade.

(ver mais)
Os Alferes

Os Alferes

30%
Porto Editora
11,52€ 20% + 10% CARTÃO
Os Alferes

Os Alferes

30%
Porto Editora
11,52€ 20% + 10% CARTÃO
O Fotógrafo e a Rapariga

O Fotógrafo e a Rapariga

10%
Dom Quixote
11,90€ 10% CARTÃO
2084. O Fim do Mundo

2084. O Fim do Mundo

10%
Quetzal Editores
18,80€ 10% CARTÃO
portes grátis