10% de desconto

Rebecca

de Daphne Du Maurier

editor: Editorial Presença, março de 2009
Escrito em 1938, Rebecca é uma obra de fôlego, diversas vezes adaptada ao cinema. Porém, só em 1941, numa versão de Alfred Hitchcock, o filme ganharia protagonismo, chegando mesmo a vencer dois Óscares estando nomeado para nove categorias. Rebecca é um clássico onde os sentimentos adquirem um lugar de destaque. Sentimentos no feminino, já que se trata da história de duas mulheres que se envolvem com o mesmo homem, apenas com uma particularidade: Rebecca está morta. E é o fantasma, embora nunca visível, do seu passado que assombra a nova mulher, agora casada com o nobre britânico e apaixonado de Rebecca. A intriga é assombrosa e ao mesmo tempo envolvente deixando sempre a sensação de que Rebecca é omnipresente. E é com esta imagem antiga que a nova mulher do viúvo Maxim de Winter terá de enfrentar todos os que amavam Rebecca e que a encaram como alguém que veio para lhe roubar o lugar. Rebecca é o romance que celebrizou Daphne du Maurier e que conheceu 28 reedições em quatro anos só na Grã-Bretanha.

«Esta narrativa arrepiante e plena de suspense continua tão apelativa e cativante como na altura da sua primeira publicação».
Daily Express

Rebecca

de Daphne Du Maurier

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722341035
Editor: Editorial Presença
Data de Lançamento: março de 2009
Idioma: Português
Dimensões: 150 x 233 x 33 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 400
Tipo de produto: Livro
Coleção: Obras Literárias Escolhidas
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789722341035
e e e e e

Imperdível

Dora Silva Livros à Lareira com chá

Para mim esta obra é um dos livros que é obrigatório ler pelo menos uma vez. Adoro a escrita e a forma como a história é desenvolvida. As descrições são maravilhosas e adorava viver em Manderley. Recomendo e não me canso de aconselhar.

e e e e e

Esperar ou ter medo

Sandra Patrício

Não são o sangue, os tiros, as facadas ou o sobrenatural que causam o medo, mas antes a expectativa. É o que acontece neste romance, em que nada é o que parece.

e e e e E

Um Tratado sobre a Falta de auto-estima

AllByMyShelves

Este livro é um poderoso exemplo de como desenvolver um thriller. Pensar que este livro foi escrito em 1938 dota-o de ainda maior qualidade. O desenvolvimento da história, as descrições pormenorizadas do ambiente que contextualiza e que, de alguma forma, é também personagem central deste romance, são irrepreensíveis e permitem que o leitor se envolva verdadeiramente na trama. Rebecca é uma antagonista ausente, e isso é das maiores originalidades deste romance de Daphne du Maurier. Importa também referir que é um ótimo livro para chamar à atenção para as questões da auto-estima e saúde mental e no que pode culminar a falta de "intervenção".

e e e e e

Surpreendente

Joana

o livro é muito bom, a escrita é surpreendentemente agradável e o enredo intrigante.

e e e e e

Inquietante

Joana Lírio

É incrível como a autora nos transporta pela vida da recém-casada personagem principal (da qual não chegamos a saber o nome), ao chegar à casa do marido, onde paira a lembrança e a sombra de Rebecca, a anterior e falecida mulher. Ao longo destas páginas entramos na cabeça da nossa protagonista e na sua obcessão em desvendar o mistério da anterior mulher e da casa que a faz sentir uma estranha, ao mesmo tempo que questiona os motivos que levaram Max a casar-se consigo. O enredo parece algo simples, mas há maravilhosas camadas a desvendar sobre a psique humana, a inquietação, o sentimento de pertença e até sobre o amor. Como o amor que a própria Daphne nutria por uma casa de férias que foi a sua inspiração para Manderley. A ler e reler muitas vezes.

e e e e e

O MELHOR

Cláudia Silva

Há alguns anos que uma amiga me emprestou Rebecca, até hoje é o meu livro preferido, por isso comprei para ler de novo. Parece um livro ingénuo, sem grandes lições, mas se prestar atenção, esta é a história de alguém que tenta quem não é, para agradar aos outros, para agradar ao seu amor. Um erro que muitos de nós cometemos na vida e nas relações. É sempre mais fácil acreditar que não somos assim tão especiais, que somos apenas a segunda escolha. Mas Rebecca ensina-nos que os segundos, são os primeiros! Para além disso, considero-o um thriler psicológico brilhante!

e e e E E

Manderley

EH

Um livro adorado por muitos. Não que seja mau, mas ingénuo, na minha óptica. Pessoalmente prefiro os contos, são mais reais e mais crus.

e e e e e

Emotivo

Mariana Lopes Nogueira

Intemporal e apaixonante!

e e e e e

Avaliação

Pedro Sousa

Livro antigo com uma estória muito atual, brilhante. Recomendo

Daphne Du Maurier

Daphne du Maurier nasceu no seio de uma família proeminentemente artística e literária, em Londres, a 13 de maio de 1907. Publicou os seus primeiros trabalhos na revista Bystander, que resultou num contrato com um agente literário. Em 1931, lançou o romance Apaixonados, o primeiro de mais de duas dezenas que publicaria ao longo da sua carreira. É principalmente reconhecida por duas histórias, Rebecca (1938) e Os Pássaros (1952), ambas adaptadas ao cinema por Alfred Hitchcock. A sua novelística é marcada pela sugestão de elementos sobrenaturais, episódios imbuídos do espírito gótico e raramente com finais felizes. Em 1969, pelo inegável contributo que deu à literatura inglesa, é nomeada dama da Ordem do Império Britânico. Morre em casa, no condado da Cornualha, em 1989.

(ver mais)
O Monte dos Vendavais

O Monte dos Vendavais

20%
Editorial Presença
14,32€ 17,90€
Jane Eyre

Jane Eyre

10%
Editorial Presença
24,90€ 10% CARTÃO
portes grátis
Os Pássaros e Outros Contos Macabros

Os Pássaros e Outros Contos Macabros

10%
Livros do Brasil
17,75€ 10% CARTÃO
portes grátis
A Minha Prima Rachel

A Minha Prima Rachel

20%
Editorial Presença
15,92€ 19,90€
portes grátis
Longe da Multidão

Longe da Multidão

10%
Editorial Presença
19,90€ 10% CARTÃO
portes grátis
Tess dos D’Urbervilles

Tess dos D’Urbervilles

20%
Relógio D'Água
15,20€ 19,00€
portes grátis