10% de desconto

Longe da Multidão

de Thomas Hardy; Tradução: Catarina F. Almeida

Livro eBook
editor: Editorial Presença, julho de 2015
Longe da Multidão é um dos romances mais conhecidos de Thomas Hardy. Narra a história de Gabriel Oak e da sua grande paixão pela bela, independente e enigmática Bathsheba Everdene, que chegou a Weatherbury como herdeira de uma vasta propriedade rural. Mas a jovem é também pretendida pelo sedutor sargento Troy e pelo respeitável agricultor de meia-idade Boldwood. Ao mesmo tempo que os destinos destes três homens dependem da escolha de Bathsheba, ela descobre as terríveis consequências do seu coração inconstante.
O jogo das personagens, com as sumptuosas paisagens rurais como pano de fundo, contribuiu para fazer deste romance notável um dos grandes clássicos da literatura inglesa.

«Longe da Multidão é um dos mais importantes romances de Thomas Hardy, e o primeiro a fazer soar a nota trágica pela qual a sua ficção é mais lembrada.»
Margaret Drabble, escritora britânica

«Romântico e poderoso.»
Daily Telegraph

Longe da Multidão

de Thomas Hardy; Tradução: Catarina F. Almeida

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722355940
Editor: Editorial Presença
Data de Lançamento: julho de 2015
Idioma: Português
Dimensões: 149 x 229 x 29 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 448
Tipo de produto: Livro
Coleção: Obras Literárias Escolhidas
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789722355940
e e e e e

Intenso

Dulce Pires

Um romance, um clássico imperdível. Intenso, com dramas reais e reviravoltas entre as personagens que nos fazem questionar quase até ao fim o desfecho da história. Ilustra ainda as lutas de uma mulher que no seu tempo sobressaía nas funções que desempenhava. Muito bem escrito! Recomenda-se!

e e e e e

Uma historia cheia de matizes

Maria Almeida

Foi o meu primeiro livro deste autor, mas já tenho "Tess dos D’Urbervilles". Adorei a escrita. Uma historia profunda, que vai das aparências ao mais profundo da alma. A vida segue sempre o seu curso e o melhor mesmo será aproveitar as oportunidades, mesmo nos piores momentos. Adorei o humor, mesmo quando parece não estar presente!

e e e e e

Vidas deslocadas

https://nointeriordoslivros.blogspot.com

Hardy é um recriador de cenários extraordinário e possuidor de igual mestria na reprodução de estados anímicos e afectivos. Bathsheba, a protagonista deste romance, vê-se objecto de um amor sincero e devotado por parte de Gabriel Oak (um homem simples e humilde), e do afeto galante de Troy (que pouco mais vê do que a sua necessidade de alimento para um ego insaciável). Berthsheba é, à semelhança das grandes protagonistas da história da literatura, uma mulher à frente do seu tempo: perseverante e determinada, exerce o direito a viver nos seus próprios termos, rejeitando o papel que a sociedade definiu para si e erguendo-se tantas vezes quantas aquelas que tomba, saindo fortalecida a cada uma das vezes.

e e e e E

Clássico

Juliana

Quem gosta de clássicos ingleses, tem de ler este livro. A leitura nem sempre é fácil mas vale bem a pena. Já não li nada tão trágico-romântico desde "O Monte dos Vendavais". Neste romance de Hardy encontramos paixão, amor e obsessão. É muito interessante ver que a linha que separa amor e obsessão é muito, muito ténue.

e e e e e

Enternecedor, comovente

AJF

Num estilo literário muito elaborado, ora irónico, ora poético, o autor desenha o retrato de uma Inglaterra rural do século XIX, numa história de grande beleza, enternecedora, que se cola à nossa memória e nos comove. Adaptada ao cinema num filme muito belo, que, diga-se, vale a pena ver, esta é a comovente história de amor intenso, profundo, sofrido em silêncio, de um homem simples, um humilde pastor de ovelhas, por uma rica proprietária rural, de quem é assalariado. Este livro deve ser lido com calma, pausadamente, T. Hardy não tem sempre uma escrita fácil, mas o texto é tão bom e tão belo, que merece bem uma leitura atenta e meditada. Atrever-me-ia mesmo a dizer que esta obra podia muito bem ser de leitura obrigatória nas nossas escolas. Seria, sem dúvida, um bom exercício de literacia. Muito bom !

e e e e E

Boa obra literária

RitaM

Até à data foi o único livro de Hardy que li, habituei-me rapidamente à sua narrativa, que além de fantástica é também por vezes um pouco exaustiva nas descrições, o que faz por sua vez, com que consigamos visualizar na nossa mente tão facilmente as cenas do livro e personagens. Em suma, um grande livro!

e e e e e

Um dos livros mais belos

Mariana Pacheco

Sempre fui e sou uma fã de literatura inglesa. Nunca tinha lido Thomas Hardy, mas quando descobri este livro na vossa página, na resisti a comprar. É um dos livros mais belos que eu já li na literatura inglesa. Um livro com uma escrita magnífica, com uma história apaixonante que me deixou com lágrimas, nos olhos. Um livro que quando começamos a ler não conseguimos parar. Um livro irresistível.

e e e e E

Um dos melhores de Thomas Hardy

DL

Comprei este livro sobretudo pelas similaridades com romances como "O monte dos vendavais" ou "E tudo o vento levou". É um livro que evoca momentos trágicos, que explora as oportunidades, as incertezas e o carácter volátil dos sentimentos, através de uma personagem, Barthsheba, que procurara a liberdade e a independência num mundo de homens, mas que sucumbe, de uma forma terrível, à beleza e os modos de um sargento Troy. Enquanto a ela lhe permanece fiel Gabriel, que assiste aos desenvolvimentos vivenciando-o na condição de primeiro pastor e depois maioral. É um livro lindíssimo, como história atribulada, e como uma escrita de elevada qualidade. Aconselho a todos os que gostam de um bom clássico literário e de um bom romance vitoriano.

Thomas Hardy

Thomas Hardy (1840-1928) nasceu em Dorset, na Inglaterra. Escreveu romances, peças de teatro e poesia. É considerado um dos grandes escritores realistas do período vitoriano. Fortemente influenciadas por George Eliot, William Wordsworth, e também por Charles Dickens, as obras de Thomas Hardy abordam temas relacionados com o casamento, a educação e a religião e o modus vivendi que poderá ser a causa da infelicidade humana.
Hardy está sepultado na Abadia de Westminster.

(ver mais)
O Monte dos Vendavais

O Monte dos Vendavais

20%
Editorial Presença
14,32€ 17,90€
Rebecca

Rebecca

10%
Editorial Presença
21,90€ 10% CARTÃO
portes grátis
O Pregador Atormentado

O Pregador Atormentado

10%
Relógio D'Água
15,00€ 10% CARTÃO
portes grátis
O Mayor de Casterbridge

O Mayor de Casterbridge

10%
Relógio D'Água
18,00€ 10% CARTÃO
portes grátis
Verão

Verão

10%
Relógio D'Água
12,12€ 10% CARTÃO
Agnes Grey

Agnes Grey

10%
Publicações Europa-América
8,00€ 10% CARTÃO