10% de desconto

Pequeno Tratado das Figuras

de Manuel Gusmão

Livro eBook
editor: Assírio & Alvim, fevereiro de 2013
Este é o mais recente livro de poesia de Manuel Gusmão, e o primeiro que publica na Assírio & Alvim, se excetuarmos o volume de ensaios Tatuagem & Palimpsesto e outras colaborações esporádicas. É um livro surpreendente sobre a vida, as imagens, a arte e a sua prática e a confirmação retumbante de estarmos perante um dos grandes poetas portugueses do nosso tempo.

O sítio é
rico e do lado esquerdo
tem um pequeno caos
ordenado
um lugar de água
que guarda azul
a luz prisioneira no
fundo
do
reflexo

Pequeno Tratado das Figuras

de Manuel Gusmão

Propriedade Descrição
ISBN: 978-972-37-1668-9
Editor: Assírio & Alvim
Data de Lançamento: fevereiro de 2013
Idioma: Português
Dimensões: 145 x 205 x 11 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 112
Tipo de produto: Livro
Coleção: Poesia Inédita Portuguesa
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Poesia
EAN: 978972371668910
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
e e e e E

Último livro

Ricardo Reis

O último livro de Manuel Gusmão é um tratado de beleza e concisão. A poesia como forma de observação e de compreensão. Destaco os poemas sobre pintura. Excelente

e e e e e

da linguagem das árvores e do vento

Sofia Micalli

linguagem carregada de sensibilidade, poesia arte, poesia natureza, poesia como uma tatuagem. "esta árvore guarda a sua memória de árvore a sombra interior das suas antepassadas, gravada nos anéis do seu cerne e nas estrias do seu tronco" livro obrigatório na estante da poesia.

Manuel Gusmão

Manuel Gusmão (nasceu em Évora, em dezembro de 1945 e faleceu a 9 de novembro de 2023, em Lisboa), e foi professor na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Foi deputado na Assembleia Constituinte e na 1.ª legislatura da Assembleia da República, eleito pelo PCP. Tem reconhecida obra no domínio do ensaio, designadamente sobre Fernando Pessoa, Carlos de Oliveira, Nuno Bragança, Maria Velho da Costa, Luiza Neto Jorge e Gastão Cruz. Estreou-se como poeta apenas aos 45 anos, em 1990, com "Dois Sóis, A Rosa a Arquitectura do Mundo". Seis anos depois, publicou "Mapas, o Assombro a Sombra". Mas foi com "Teatros do Tempo" que o eco da sua obra (toda publicada na Caminho) se alargou. Além do bom acolhimento crítico, o livro esgotou e foi reeditado em poucos meses.

(ver mais)
A Papoila e o Monge

A Papoila e o Monge

10%
Assírio & Alvim
14,40€ 10% CARTÃO
Vem à Quinta-Feira

Vem à Quinta-Feira

10%
Assírio & Alvim
11,10€ 10% CARTÃO
Tatuagem & Palimpsesto

Tatuagem & Palimpsesto

10%
Assírio & Alvim
28,85€ 10% CARTÃO
portes grátis
Contra Todas as Evidências

Contra Todas as Evidências

10%
Editorial Avante
15,00€ 10% CARTÃO
Os Caminhos Habitados

Os Caminhos Habitados

10%
Edições Afrontamento
12,00€ 10% CARTÃO
Mirleos

Mirleos

10%
Relógio D'Água
15,00€ 10% CARTÃO