Galíndez

Livro 1

de Manuel Vázquez Montalbán

editor: Editorial Caminho, abril de 1994
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Pela boca de um dos seus personagens, Manuel Vázquez Montalbán apresenta aqui o tema central deste seu romance: «Jesús de Galíndez Suárez. Jurista e escritor basco nascido em Madrid em 1915. A mãe morreu quando era pequenino e foi educado pelo pai, que era médico. Jesús de Galíndez estudou na Universidade Complutense de Madrid e foi um jovem professor adjunto de Sánchez Román, catedrático de Direito Político que teve como professores adjuntos tanto um futuro ministro do Interior de Franco como juristas leais à República. Durante a sua permanência em Madrid, Galíndez militou nas juventudes universitárias do Partido Nacionalista Basco e quando rebentou a guerra foi um dos ajudantes de Manuel de Irujo, ministro da Justiça, e basco também. De facto, dedicou-se a salvar civis perseguidos pelos incontrolados, freiras incluídas, a sua lealdade à República era uma estrita lealdade para com o País Basco cujas liberdades estavam ameaçadas pelo franquismo. Quando a guerra acabou fugiu para França e dali passou para a República Dominicana, onde exerceu como professor de Direito e advogado de conflitos de trabalho. Em 1946 mudou-se para Nova Iorque onde desenvolveu grande actividade como organizador de grupos antifranquistas, chegando a ser representante do PNV na ONU e no Departamento de Estado. Entretanto, preparava a sua tese sobre Trujillo, o ditador dominicano, que apresentou na Universidade de Columbia em Fevereiro de 1956, apesar das pressões do próprio Trujillo e seus colaboradores do lobby dominicano nos Estados Unidos para que não a apresentasse. Dias mais tarde, exactamente a 12 de Março de 1956, era sequestrado e nunca mais se ouviu falar dele.» No seu romance, Manuel Vázquez Montalbán reconstrói as circunstâncias do assassinato de Galíndez, com recurso a uma complexa arquitectura romanesca que faz deste livro uma das melhores obras do autor.

Galíndez

de Manuel Vázquez Montalbán

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722109093
Editor: Editorial Caminho
Data de Lançamento: abril de 1994
Idioma: Português
Dimensões: 150 x 230 x 20 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 376
Tipo de produto: Livro
Coleção: Uma Terra sem Amos
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789722109093
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
Manuel Vázquez Montalbán

Manuel Vázquez Montalbán (1939-2003) nasceu em Barcelona, estudou Filosofia e Letras, secção Românicas, trabalhou como jornalista e foi uma das figuras mais importantes das letras de Espanha. Escreveu romances, literatura policial, poesia, ensaio e crónicas sobre temas variados, da política internacional à gastronomia. Foi um militante político e um antifranquista ativo. Além de ter criado um detetive conhecido no mundo todo, Pepe Carvalho, obteve numerosos prémios literários e muitos dos seus livros foram adaptados ao cinema e à televisão. Entre outros livros, escreveu Os Mares do Sul, Assassinato no Comité Central, Autobiografia do General Franco, O Pianista ou Os Pássaros de Banguecoque.

(ver mais)