10% de desconto

Feliz Insucesso precedido de Cocorocó

Livro de bolso

de Herman Melville

editor: Publicações Europa-América, setembro de 2010
Herman Melville, sem dúvida o maior romancista americano do século XIX, não foi somente o autor de Moby Dick mas também de um grande número de obras-primas de vários géneros.

Nestas breves prosas, Melville resumiu a profundidade e a refinada imaginação das suas obras maiores: os dois contos — publicados em revistas em meados de 1850, num dos períodos mais criativos de Melville — revelam um autor ora realista, que se deleita na sordidez e nos detalhes da América do seu tempo, ora fulgurante, forçando a escrita até ao delírio.

Sob os sainetes de Melville, revela-se incessantemente um caleidoscópio conhecimento enciclopédico, que invoca vários aspectos da tradição, impregnados na acidez corrosiva do mundo moderno.

Mistura explosiva de géneros que assenta na improvável transfiguração do real quotidiano, os contos oscilam ora entre a alegria e a resignação ora entre a salvação e o fracasso.

Feliz Insucesso precedido de Cocorocó

Livro de bolso

de Herman Melville

Propriedade Descrição
ISBN: 5601072556850
Editor: Publicações Europa-América
Data de Lançamento: setembro de 2010
Idioma: Português
Dimensões: 117 x 183 x 5 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 92
Tipo de produto: Livro
Coleção: Livros de Bolso / Europa América
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 5601072556850
Herman Melville

Herman Melville (1819-1891) foi um dos mais importantes romancistas da literatura norte-americana; foi também contista, ensaísta e poeta, com mais de 30 obras publicadas. Melville, cujo nome qualquer leitor reconhece de «Moby Dick», a história da perseguição à grande baleia branca, nasceu no seio de uma família de grande prestígio, mas com grandes dificuldades económicas, que os pais esconderam a Herman e aos seus sete irmãos. O pai sofria de desequilíbrios emocionais graves e havia na família divergências religiosas. Herman e os irmãos acompanharam os pais para várias cidades americanas sempre que estes tentavam refazer a sua vida, e a sua educação foi feita em diversas escolas. Teve vários trabalhos em escritórios e lojas, e de 1839 a 1844 foi marinheiro embarcado em diversos navios. Nos cinco anos que se seguiram publicou grande parte dos seus livros, inspirados na sua experiência marítima, e viu a crítica e sobretudo o público reconhecer-lhe os méritos. Inicia uma correspondência e amizade profícuas com o escritor Nathaniel Hawthorne e publica a sua obra-prima «Moby Dick» em 1851 (primeiro em Inglaterra e só depois nos Estados Unidos). A partir desses anos, Melville, que casara e planeara viver da escrita, cai no esquecimento do público e até ao fim da vida tem de aceitar diversos trabalhos para sobreviver. Só após a sua morte, e aquando do centenário do seu nascimento, é que a crítica redescobre o autor e o seu génio e Melville passa a integrar o panteão dos grandes nomes das letras universais.

(ver mais)
A Oeste Nada de Novo

A Oeste Nada de Novo

10%
Publicações Europa-América
6,90€ 10% CARTÃO
Sebastianismo e Quinto Império Portugal

Sebastianismo e Quinto Império Portugal

10%
Publicações Europa-América
8,50€ 10% CARTÃO
Moby Dick

Moby Dick

10%
Relógio D'Água
25,50€ 10% CARTÃO
portes grátis
Bartleby, O Escrivão

Bartleby, O Escrivão

10%
Penguin Clássicos
8,96€ 9,95€
O Roubo do Elefante Branco

O Roubo do Elefante Branco

10%
Publicações Europa-América
9,90€ 10% CARTÃO
O Pote de Ouro

O Pote de Ouro

10%
Publicações Europa-América
6,90€ 10% CARTÃO