10% de desconto

Dá-me a Tua Mão e Leva-me

Como evoluiu a relação pai-filho

de Daniel Sampaio

Livro eBook
editor: Editorial Caminho, junho de 2020
VENDA O SEU LIVRO i
Dá-me a Tua Mão e Leva-me estuda como evoluiu a relação entre pai e filho, desde os anos 1970 até aos dias de hoje. Parte da parentalidade das últimas décadas do século passado, onde predominava a figura da mãe, até 2020, onde o pai emerge como personagem também fundamental para a criança.

Retrata as modificações físicas, psicológicas e sociais que ocorrem na parentalidade masculina e que contribuem para a emergência do novo pai, ao mesmo tempo que defende a valorização urgente e necessária deste papel parental contemporâneo.

Nos casos de divórcio e no que diz respeito à regulação das responsabilidades parentais, Daniel Sampaio defende a guarda partilhada com residência alternada, como forma de preservar os laços da criança com os dois progenitores.

Esta obra reflete também sobre a evolução da Psiquiatria e da Psicologia no mesmo período de tempo, desde a visão dogmática do passado até aos impasses no seu desenvolvimento ao longo das últimas cinco décadas.

Um texto atual e oportuno, que interessa aos pais e aos filhos, aos técnicos de Saúde Mental e a todos os que se interessam por um melhor relacionamento interpessoal.

Dá-me a Tua Mão e Leva-me

Como evoluiu a relação pai-filho

de Daniel Sampaio

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722130370
Editor: Editorial Caminho
Data de Lançamento: junho de 2020
Idioma: Português
Dimensões: 135 x 209 x 12 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 224
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Ciências Sociais e Humanas > Psicologia Livros em Português > Ensino e Educação > Psicologia da Educação
EAN: 9789722130370
e e e e e

Recomendo

Alcobia

Na sua linguagem acessível a todos, Daniel Sampaio mostra-nos a importância de ser PAI, o impacto que atualmente tem no desenvolvimento das crianças, mas também o impacto que já teve noutra época e como essa relação tem vindo a evoluir. A ausência da relação, relações autoritárias, relações funcionais e disfuncionais, são exploradas de forma a dar-nos uma perspetiva atual, ajudando não só qualquer pessoa nas suas relações, como também profissionais na ajuda às famílias.

Daniel Sampaio

Psiquiatra conceituado e terapeuta familiar, Daniel Sampaio nasceu em 1946, em Lisboa. Fez os seus primeiros anos de escolaridade na Escola Sport União Sintrense e viveu em Sintra até aos seus 15 anos, altura em que se mudou para Lisboa, onde continuou os seus estudos no Liceu Pedro Nunes, em Lisboa, do qual saiu no ano letivo de 1963-64.
Iniciou o curso de Medicina em 1964 na Faculdade de Medicina de Lisboa, onde se formou em 1970, tendo concluído a especialidade em Psiquiatria em 1976. Obteve o doutoramento em Medicina, na especialidade de Psiquiatria, em 1986. É Professor Catedrático de Psiquiatria da Faculdade de Medicina de Lisboa e tem coordenado, no Hospital de Santa Maria, unidades de intervenção para adolescentes em crise. Foi um dos introdutores da Terapia Familiar em Portugal, a partir da Sociedade Portuguesa de Terapia Familiar, que fundou em 1979.
Publicou diversos livros sobretudo sobre a adolescência e os seus problemas, destacando-se entre eles, "Vozes e Ruídos - Diálogos com adolescentes", em 1993, e "Inventem-se Novos Pais", em 1994. Com este livro, o professor Daniel Sampaio ajuda os pais a interpretar esses sinais, a elaborar a resposta certa. E ainda "A Cinza do Tempo", em 1997, que reúne cerca de 60 crónicas publicadas pelo autor na imprensa entre 1993 e 1997. São, no fundo, algumas reflexões de Daniel Sampaio sobre o ensino, a família, a droga, o suicídio juvenil, a adolescência, etc.
Editou ainda "A Arte da Fuga", em 1999, a mais célebre e polémica obra de Daniel Sampaio, "Tudo o Que Temos Cá Dentro", em 2000, que retrata a questão do suicídio e baseia-se em factos reais, num caso clínico de um adolescente que perdeu uma amiga que se suicidou e, em 2002, "Lições de Abismo", onde fala sobre a sua experiência enquanto psiquiatra no Hospital de Santa Maria. Tem tido um papel fundamental em intervenções várias em diversos meios de comunicação, tais como nos jornais, rádio e televisão, sempre numa abordagem da adolescência. Tem-se dedicado ao estudo dos problemas dos jovens e das suas famílias através de trabalhos de investigação na área da psiquiatria e da adolescência.

(ver mais)
Para Tão Curtos Amores, Tão Longa Vida

Para Tão Curtos Amores, Tão Longa Vida

10%
Editorial Caminho
16,11€ 17,90€
portes grátis
Ninguém Morre Sozinho

Ninguém Morre Sozinho

Em stock - envio até
10%
Editorial Caminho
15,90€ 10% CARTÃO
portes grátis
Abraça a Criança que Há em Ti

Abraça a Criança que Há em Ti

10%
A Esfera dos Livros
18,90€ 10% CARTÃO
portes grátis