10% de desconto

A pesca da Baleia e outras narrativas

de Raul Brandão

editor: Porto Editora, junho de 2014
RECOMENDADO PELO PLANO NACIONAL DE LEITURA i
Leitura recomendada para o 7.º ano de escolaridade.

A Pesca da Baleia e outras narrativas
Baleia! baleia!... Larga! larga!... Lá vai a arça!... Trancou a baleia! trancou a baleia!
Embarca na vida árdua dos pescadores dos Açores no início do século XX, na grandiosidade de um dos momentos mais importantes da comunidade insular - a pesca da baleia - e na beleza serena do oceano que banha as ilhas e lhes dá a vida. Deixa que Raul Brandão te revele as imagens; capta os sons; sente os sabores; e inala os aromas do arquipélago.

Este livro é também recomendado pelo Plano Nacional de Leitura para o 7.º ano de escolaridade.
A Coleção Educação Literária reúne obras de referência da literatura portuguesa e universal indicadas pelas Metas Curriculares de Português e pelo Plano Nacional de Leitura.

Conheça todas as obras da Educação Literária na nossa página especial.

A pesca da Baleia e outras narrativas

de Raul Brandão

Propriedade Descrição
ISBN: 978-972-0-72678-0
Editor: Porto Editora
Data de Lançamento: junho de 2014
Idioma: Português
Dimensões: 128 x 198 x 6 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 80
Tipo de produto: Livro
Coleção: Educação Literária
Classificação temática: Livros em Português > Infantis e Juvenis > Literatura Juvenil
EAN: 978972072678014
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
e e e e e

Um autor admirável

P.B.T.

Só descobri recentemente o Raúl Brandão porque no meu tempo este autor não fazia parte do programa, infelizmente. Descobri-o com "As Ilhas Desconhecidas", livro que me acompanhou nas minhas viagens aos Açores. Depois li "Os Pescadores" e gostei imenso e resolvi adquirir "A Pesca da Baleia..." depois de ler dois livros do também muito grande e desconhecido Dias de Melo. Ainda tenho tantos tesouros da língua portuguesa a descobrir...

e e e e E

Gostei do livro

Vasco

Gostei do livro por falar da pesca dos Açores no século XX e das suas características e dificuldades

Raul Brandão

Raul Brandão nasceu na Foz do Douro, Porto, a 12 de março de 1867, e morreu em Lisboa a 5 de dezembro de 1930. Militar de 1888 a 1911, quando se reformou do posto de capitão, foi ao jornalismo e à literatura que dedicou a sua vida, escrevendo livros, como Húmus, a sua obra-prima, ou peças de teatro como O Gebo e a Sombra, que impressionaram várias gerações até aos nossos dias. Sem nunca ter escrito poesia, a sua escrita é predominantemente poética, e a condição humana é o tema profundo da sua obra: simbolista-decadentista no início, com História de um Palhaço, impressionista no final, quando escreve Os Pescadores e As Ilhas Desconhecidas, considerado «um dos melhores livros de viagens de todos os tempos na literatura portuguesa». As suas Memórias – que agora se apresentam reunidas num único volume – são uma das grandes referências nacionais neste género literário.

(ver mais)
A Viúva e o Papagaio

A Viúva e o Papagaio

10%
Porto Editora
7,75€ 10% CARTÃO
Ulisses

Ulisses

10%
Porto Editora
12,20€ 10% CARTÃO
As Ilhas Desconhecidas

As Ilhas Desconhecidas

10%
Companhia das Ilhas
12,92€ 14,35€
Húmus

Húmus

10%
Relógio D'Água
10,00€ 10% CARTÃO
Contos

Contos

10%
Porto Editora
9,99€ 10% CARTÃO