20% de desconto

Os Anos eBook

de Annie Ernaux

Livro eBook
editor: Livros do Brasil
Estendendo-se por um período que vai de 1941 a 2006, em Os Anos conta-se uma história que é simultaneamente coletiva e pessoal, transversal e intimista, de sessenta anos da vida de um país e da vida de uma mulher. Através de pequenos fragmentos narrativos, por meio da relação entre fotografias, canções, filmes, objetos ou eventos da história recente, mais do que uma desconcertante autobiografia, Annie Ernaux constrói uma recordação de um «nós», num relato sobre o que fica quando o tempo passa: «Tudo se apagará num segundo [...] Nem eu nem mim. A língua continuará a pôr o mundo em palavras. Nas conversas à volta de uma mesa em dia de festa seremos apenas um nome, cada vez mais sem rosto, até desaparecermos na multidão anónima de uma geração distante.» Galardoado com diversas distinções, entre as quais o Prémio Marguerite Duras 2008, em França, o Prémio Strega 2016, em Itália, e a seleção para o Prémio Man Booker Internacional de 2019, este livro confirmou Annie Ernaux como uma das mais importantes vozes da literatura francesa deste século.

Os Anos

de Annie Ernaux

ISBN: 978-989-711-075-7
Editor: Livros do Brasil
Idioma: Português
Páginas: 136
Tipo de produto: eBook
Formato: ePUB i
Coleção: Dois Mundos
Classificação temática: eBooks em Português > Literatura > Memórias e Testemunhos
e e e e e

Um choque de realidade

MLapa

A autora confronta nos com as suas dores, esperança e ansiedades, e com a dura vivência de uma realidade que pensávamos ancestral. Um dos livros fulcrais da mais recente prêmio Nobel da Literatura.

e e e e e

Como um diário...

Noémia Lopes

A partir de uma foto, um objeto, um fragmento, num período que vai de 1941 a 2006, a autora narra uma história que é simultaneamente a sua e a do seu país (a França). São evocados acontecimentos tais como; a Ocupação Nazi, Maio de 68, a questão Argelina, a queda do Muro de Berlim, a Guerra do Iraque, a queda das Torres Gémeas, entre outros. À volta de uma mesa (remetendo para a capa do livro), os temas de conversa vão desfilando e mudando, ao longo dos anos. Quase no final, há a revelação da necessidade de transpor os acontecimentos atrás mencionados, para a escrita, que é, no fundo, este livro, o grande projeto da sua vida; evitar que o Cronos tudo devore e nada reste...

e e e e E

Os Anos

Rui Pinto

“Os Anos” é um livro que depois de lido me deixou uma enorme interrogação em virtude de não ter conseguido atingir qual o verdadeiro objetivo da autora. É uma autobiografia que procura ser simultaneamente impessoal. Relata-nos uma história passada ao longo de várias décadas tendo como ponto de partida retratos duma mesma mulher (desde a juventude à velhice). Por vezes pareceu-me haver a preocupação de misturar o “eu” e o “ela”. É uma história escrita com uma linguagem simples mas que denota uma enorme inquietação da sua autora ao longo da narrativa. Abusa do tema “sexualidade” e parece-me contrariar-se em certos relatos.

e e e e e

Um relato brilhante duma época pelos olhos (leia-se a vida) de uma mulher

António Pinheiro

Um livro corajoso pela forma como, através da narrativa (auto)biográfica de uma mulher, relata em simultâneo uma época do seu país de forma sublime. Este livro é sem dúvida um bom contributo para o prémio Nobel da literatura arrecadado pela sua autora.

e e e e e

Adoraria ter talento para escrever Os (meus) Anos.

https://leiturasemclube.blogspot.com

Um livro extraordinário. Apesar da distância em termos geracionais, geográficos e linguísticos, senti que havia muito em comum comigo, com a minha vida, talvez porque, como refere nas últimas páginas, não é um trabalho de rememoração com o objetivo de narrar uma vida. "Neste caso, ela só olhará para si própria para aí reencontrar o mundo, a memória e o imaginário dos dias que passaram por esse mundo, captar a mudança das ideias, das crenças e da sensibilidade, as transformações das pessoas e do que ela viu e conheceu, e que, provavelmente, não serão nada semelhantes ao que será visto pela sua neta e por todos aqueles que viverem em 2070."

e e e e E

Meu comentário

MJViana

Gostei bastante deste livro pois da uma visão boa do que se passou em França acompanhando o desenvolvimento pessoal da autora

e e e e e

As mulheres

Claudino Moura

Livro intenso sobre a saga de uma mulher num registo autobiográfico. O livro tem uma estrutura muito interessante, constituído por fragmentos que nos permitem construir a história de sessenta anos da vida desta mulher e do século.

e e e e E

Histórias pessoal, nacional e mundial

SMC

Um livro sobre a história da autora, que é a história de França. A vida pessoal e a vida de uma nação caminham juntas entre os anos 40 do século passado e os primeiros anos do novo século, a par com o mundo.

Annie Ernaux

PRÉMIO NOBEL DA LITERATURA 2022

Annie Ernaux nasceu em Lillebonne, na Normandia, em 1940, e estudou nas universidades de Rouen e de Bordéus, sendo formada em Letras Modernas. É atualmente uma das vozes mais importantes da literatura francesa, destacando-se por uma escrita onde se fundem a autobiografia e a sociologia, a memória e a história dos eventos recentes. Galardoada com o Prémio de Língua Francesa (2008), o Prémio Marguerite Yourcenar (2017), o Prémio Formentor de las Letras (2019) e o Prémio Prince Pierre do Mónaco (2021) pelo conjunto da sua obra, destacam-se os seus livros Um Lugar ao Sol (1984), vencedor do Prémio Renaudot, e Os Anos (2008), vencedor do Prémio Marguerite Duras e finalista do Prémio Man Booker Internacional. Em 2022, Annie Ernaux foi distinguida com o Prémio Nobel de Literatura.

(ver mais)
20%
Livros do Brasil
13,28€ 16,60€
portes grátis
20%
Livros do Brasil
11,52€ 14,40€
portes grátis
20%
Livros do Brasil
13,28€ 16,60€
portes grátis
20%
Livros do Brasil
11,52€ 14,40€
portes grátis
eBook
30%
Cultura Editora
6,39€ 20% + 10% CARTÃO
eBook
20%
Bertrand Editora
7,99€ 9,99€