10% de desconto

Os Cadernos de Pickwick

Livro de Bolso

de Charles Dickens; Tradução: Margarida Vale de Gato; Ilustração: R. Seymour

editor: Tinta da China, março de 2012
Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para o Ensino Secundário como sugestão de leitura.

O livro que Fernando Pessoa lamentava já ter lido, por não poder voltar a lê-lo novamente.

Os Cadernos de Pickwick, de Dickens na colecção de humor coordenada por Ricardo de Araújo Pereira para a Tinta-da-China.

«Foram [...] as suas virtudes cómicas que garantiram a Pickwick um lugar perpétuo no Olimpo literário. Qualquer leitor, a sós com o seu exemplar, na mesa de café ou no banco de jardim, está sujeito ao simpático embaraço de incorrer numa gargalhada menos medida.»
Francisco Luís Parreira, Público

Os Cadernos de Pickwick

Livro de Bolso

de Charles Dickens; Tradução: Margarida Vale de Gato; Ilustração: R. Seymour

Propriedade Descrição
ISBN: 9789896711146
Editor: Tinta da China
Data de Lançamento: março de 2012
Idioma: Português
Dimensões: 132 x 188 x 41 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 936
Tipo de produto: Livro
Coleção: Ricardo Araújo Pereira
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Humor
EAN: 9789896711146
e e e e e

Um livro que não pára de surpreender

Andreia Lopes

Uma comédia deliciosa onde a aventura do grupo de cavalheiros nunca termina. Apesar de ser uma narrativa do século XIX, as piadas permanecem intemporais. Um livro para leitores dos 8 aos 80.

e e e e e

Pickwickianamente genial!

Telma Afonso

Obra prima de Dickens, de humor fino e rebuscado que trata um belo retrato da sociedade inglesa do século XIX. Mais de 900 páginas de pura diversão.

e e e e e

Boa recomendação!

Ana Correia

Boa recomendação da colecção de Ricardo Araújo Pereira! Ainda não terminei, mas sem sido uma leitura divertida .

e e e e e

Indispensável!

Diogo

Uma personagem inesquecível na literatura mundial num livro repleto de humor e génio. Indispensável ler e ter. Edição fantástica!

e e e e e

Eterno Clássico actual

Aferreira

Esperava há algum tempo ler esta obra. Um Clássico imperdível. Não é só o humor, o caricato é o sarcasmo o humor em todas as suas formas genuínas, inocentes e menos inocentes. Mr Pickwick, não conhecemos todos alguém assim ou parecido?

e e e e e

Soberbo

Carlos Rebelo

Este livro pode ser considerado um clássico no que toca à literatura de humor, na medida em que revoluciona a nossa perceção do que é o humor e do como provocar gargalhadas em outros. As personagens são, de facto, muito evoluídas, sendo que a dupla Weller/Pickwick apenas pode ser comparada a D. Quixote e Sancho. Recomendo a todos os que procuram um livro capaz de provocar risos intermináveis.

e e e e e

Pickwikando

Maria Teresa Meireles

Começa-se o livro e vai-se avançando com um sorriso ou uma risada cúmplice. Pickwikem também que não se vão arrepender - um antigo com um acentuado e ácido toque de modernidade

e e e e e

Uma obra-prima!

Luis Varela

Há duas coisas difíceis de acreditar, depois de ler esta obra: Que o autor tinha apenas 24 anos quando a escreveu e que foi o seu primeiro livro. Para leitores frequentes é provável que Pickwick e Sam Wel lembre D. Quixote e Sancho Pança. É claramente um livro humorístico, que nos faz rir sozinhos algumas vezes, fazendo as centenas de páginas voar com uma facilidade incrível. Penso ser a única edição completa deste conjunto de histórias em português, por isso um muito obrigado ao Ricardo Araújo Pereira por ter decidido que esta obra faria parte da colecção que ele está a coordenar. Altamente recomendado.

e e e e e

Genial

Vânia

Para quem é fã de comédia e bom humor, este é o livro para si. Apesar de ser uma obra extensa, as 900 páginas de Cadernos de Pickwick rapidamente passam despercebidas enquanto nos deixamos envolver nas aventuras do Sr. Pickwick e de Samuel Weller. Charles Dickens é sem dúvida um escritor genial. Da narrativa brilhante aos diálogos sublimes, Dickens consegue numa escrita sempre elegante criar momentos de muita risada e, ao mesmo tempo, criticar a sua sociedade. Um livro que quando terminamos, sabemos o porquê de Fernando Pessoa ter lamentado um dia já o ter lido.

e e e e e

Dickens e Londres e os Personagens Únicos e Fascinantes

Sofia Micalli

Cheio de crítica social apresentada com o humor típico de Charles Dickens, "Os cadernos de Pickwick" é o seu primeiro romance. Escrito em forma de pequenas histórias sobre o Clube do Sr. Pickwick, cujos membros deveriam viajar através da Inglaterra e relatar o visto e o acontecido e o ouvido...

Charles Dickens

Romancista inglês nascido em 1812. Publicou obras em que denunciava a vida difícil do operário na sociedade industrial emergente (como Grandes Esperanças e Tempos Difíceis) e, em particular, a miséria das classes sociais mais baixas e a precaridade da infância (em Oliver Twist, especialmente). Escreveu também um muito popular Conto de Natal. Morreu em 1870.

(ver mais)
O Bom Soldado Švejk

O Bom Soldado Švejk

10%
Tinta da China
18,90€ 10% CARTÃO
portes grátis
Discursos

Discursos

10%
Tinta da China
25,90€ 10% CARTÃO
portes grátis
Um Conto de Natal

Um Conto de Natal

10%
Clássica Editora
11,90€ 10% CARTÃO
Um Cântico de Natal

Um Cântico de Natal

10%
Clube do Autor
12,60€ 14,00€
José Matias / Bartleby

José Matias / Bartleby

10%
Editora Guerra & Paz
15,50€ 10% CARTÃO
portes grátis
Diário de Um Zé-Ninguém

Diário de Um Zé-Ninguém

10%
Tinta da China
19,90€ 10% CARTÃO
portes grátis