O Romance dum Homem Rico

de Camilo Castelo Branco

editor: Cotovia, janeiro de 2016
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
"Trágico, épico, lírico, satírico — tudo isso foi Camilo" escreveu Jorge de Sena. Camilo Castelo Branco considerou este Romance dum homem rico "o mais querido", aquele que iria prevalecer sobre todos os seus outros romances. Trata-se de uma obra-prima da literatura romântica portuguesa.

O Romance dum Homem Rico

de Camilo Castelo Branco

Propriedade Descrição
ISBN: 9789727953592
Editor: Cotovia
Data de Lançamento: janeiro de 2016
Idioma: Português
Dimensões: 120 x 188 x 15 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 200
Tipo de produto: Livro
Coleção: Bolso Cotovia
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789727953592
e e e e e

O binómio de Camilo

Rui Teixeira

Com este romance, Camilo concretiza o seu precioso e habitual binómio: sátira e estímulo à reflexão. Através da narrativa satiriza a configuração social vigente, despertando a reflexão introspetiva dos leitores, com um estilo peculiar e marcante. Experiência estética e literária de qualidade.

Camilo Castelo Branco

Nasceu em 1825, em Lisboa, e faleceu em 1890, em S. Miguel de Seide (Famalicão). Com uma breve passagem pelo curso de Medicina, estreia-se nas letras em 1845 e em 1851 publica o seu primeiro romance, Anátema. Em 1860, na sequência de um processo de adultério desencadeado pelo marido de Ana Plácido, com quem mantinha um relacionamento amoroso desde 1856, Camilo e Ana Plácido são presos, acabando absolvidos no ano seguinte por D. Pedro V. Entre 1862 e 1863, Camilo publica onze novelas e romances, atingindo uma notoriedade dificilmente igualável. Tornou-se o primeiro escritor profissional em Portugal, dotado de uma capacidade prodigiosa para efabular a partir da observação da sociedade, com inclinação para a intriga e análise passionais. Considerado o expoente do romantismo em Portugal, autor de obras centrais na história da literatura nacional, como Amor de Perdição, A Queda dum Anjo e Eusébio Macário, Camilo Castelo Branco, cego e impossibilitado de escrever, suicidou-se com um tiro de revólver a 1 de Junho de 1890.

(ver mais)
Amor de Perdição

Amor de Perdição

20%
Porto Editora
7,08€ 8,85€
portes grátis
Amor de Perdição

Amor de Perdição

20%
Porto Editora
6,20€ 7,75€
portes grátis
As Três Mulheres de Sansão

As Três Mulheres de Sansão

20%
Bertrand Editora
11,51€ 14,39€
portes grátis
A Queda dum Anjo

A Queda dum Anjo

20%
Âncora Editora
15,20€ 19,00€
portes grátis