A Maresia Tejo

Livro 1

de Cesário Verde

editor: Colares Editora, abril de 1995
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i

A Maresia Tejo

de Cesário Verde

Propriedade Descrição
ISBN: 9789728099534
Editor: Colares Editora
Data de Lançamento: abril de 1995
Idioma: Português
Dimensões: 100 x 190 mm
Páginas: 32
Tipo de produto: Livro
Coleção: Livro Carta
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789728099534
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
Cesário Verde

Cesário Verde nasce em 1855, em Lisboa. Aos 18 anos publica os primeiros versos no «Diário de Notícias», pela mão de Eduardo Coelho (fundador do jornal), que fora caixeiro na loja de seu pai.
Entre 1874 e 1875 publica vários poemas noutros jornais e revistas. É atacado pelo «Diário Ilustrado», ao qual responde com uma sátira (que não antologia para «O Livro»); Ramalho Ortigão critica-o sem entendimento e com arrogância.
Durante o ano de 1876 publica com menos frequência e nos anos que se seguem continua a ser alvo de mais críticas e maior incompreensão.
Em 1880 publica «O Sentimento dum Ocidental» em «Portugal a Camões» (número especial do «Jornal de Viagens», no âmbito das comemorações do tricentenário da morte de Camões), Porto.
O poema «Nós» é publicado n’ «A Ilustração», em Paris, em 1884.
O seu estado de saúde começa a agravar-se, vindo a morrer de tuberculose a 19 de julho de 1886.
Em 1887 Silva Pinto publica «O Livro de Cesário Verde», com uma tiragem de 200 exemplares.

(ver mais)
O Amigo Dedicado

O Amigo Dedicado

10%
Colares Editora
6,50€ 10% CARTÃO
Diotima

Diotima

10%
Colares Editora
6,50€ 10% CARTÃO