Folhas de Erva

de Walt Whitman

editor: Assírio & Alvim, setembro de 2003
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para o Ensino Secundário como sugestão de leitura.

«Talvez o melhor dos cantos ouvidos, ou dos amores sinceros, ou dos episódios mais belos da vida, ou das cenas angustiantes vividas no mar e na terra por soldados e marinheiros, seja o ‘résumé’ de tudo isso muito tempo depois, quando já tiverem desaparecido as suas excitações concretas. Como gosta a alma de tais reminiscências!», conta-nos Walt Whitman. Autor maior da literatura americana e universal, Whitman reescreveu incessantemente a sua obra-prima, assumindo sempre que «(...) os cantos mais belos e profundos ainda estão à espera de ser cantados». Um livro que influenciou gerações de leitores e de poetas, entre eles Fernando Pessoa, pela voz de um dos seus heterónimos maiores: Álvaro de Campos. A tradução é de José Agostinho Baptista.

Folhas de Erva

de Walt Whitman

Propriedade Descrição
ISBN: 978-972-37-0735-9
Editor: Assírio & Alvim
Data de Lançamento: setembro de 2003
Idioma: Português
Dimensões: 151 x 213 x 40 mm
Encadernação: Capa dura
Páginas: 416
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Poesia
EAN: 9789723707359
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
e e e e e

Ressonâncias

Maria simão

Dos poemas e dos versos que revelam reflexões sobre o itinerário de vida soltam-se o universo e a natureza que se enlaçam, e se fundem unos no autor, como no verso: ' Infinito e de todas as espécies sou, e igual a elas sou,' Uma obra a não perder para quem se quiser encontrar.

Walt Whitman

Considerado o grande poeta da Revolução Americana – ou até mesmo o maior poeta de toda a literatura americana – o nova-iorquino Walt Whitman (1819-1892) destacou-se no estilo do verso livre, sem restrições métricas, mas também com um pensamento que dessa forma funcionava: sem limites e regras.
Dele escreveu Fernando Pessoa: «Introduziu uma nova subjetividade na conceção poética e fez da sua poesia um hino à vida.»
Whitman foi, no verdadeiro e justo entendimento do termo, um visionário. Celebrou o homem e a natureza, incentivando pelas suas palavras os mais nobres ideais de comunhão, de partilha e de participação democrática nos Estados Unidos da América.
Se fosse vivo, talvez Walt Whitman hoje escrevesse coisas parecidas às de outrora, de tão imutáveis que parecem ser os sentimentos que descreveu, de tão evidente que era, para o autor, a delicadeza da condição humana, do amor, do sexo, da vida em comunhão nas cidades e dos caminhos difíceis que juntos continuamos a percorrer.

(ver mais)
Canto de Mim Mesmo

Canto de Mim Mesmo

30%
Cultura Editora
12,00€ 20% + 10% CARTÃO
Saudação a Walt Whitman | Canto de Mim Mesmo

Saudação a Walt Whitman | Canto de Mim Mesmo

10%
Editora Guerra & Paz
16,00€ 10% CARTÃO
portes grátis
Clepsydra

Clepsydra

10%
Assírio & Alvim
22,20€ 10% CARTÃO
portes grátis
Vinte Poemas de Amor e Uma Canção Desesperada

Vinte Poemas de Amor e Uma Canção Desesperada

10%
Relógio D'Água
17,00€ 10% CARTÃO
portes grátis