10% de desconto

Bastardos do Sol

Livro 1

de Urbano Tavares Rodrigues

editor: Publicações Europa-América, abril de 1994
«Este livro é de uma maturidade extrema.(...)É-nos transmitida em toda a sua economia dramática esta visão de um mundo condenado(profundamente impregnada do sentimento da dignidade e da liberdade do homem), e que se afirmou de um rigor estilístico dificilmente igualável nas nossas letras contemporâneas.»

Bastardos do Sol

de Urbano Tavares Rodrigues

Propriedade Descrição
ISBN: 9789721038578
Editor: Publicações Europa-América
Data de Lançamento: abril de 1994
Idioma: Português
Dimensões: 141 x 212 x 10 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 144
Tipo de produto: Livro
Coleção: Século XX
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 5601072033542
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
e e e e E

Escrita Soberba

FGL

"Bastardos do Sol" é um livro de uma enormíssima qualidade linguística, profunda riqueza estética e de leitura 'obrigatória'. Porque só lendo se pode ficar a conhecer verdadeiramente o encanto do encadeamento das palavras que nos falam de um tempo e nos contam um modo de viver num Alentejo que nos vai fugindo da memória.

Urbano Tavares Rodrigues

Urbano Tavares Rodrigues não é apenas o grande escritor do Alentejo, das suas gentes e das suas paisagens, é também o romancista e contista de Lisboa e de outras atmosferas cosmopolitas que, como jornalista e professor universitário, bem conheceu, viajando por todo o mundo.
Catedrático jubilado da Faculdade de Letras de Lisboa, membro da Academia das Ciências, tem uma obra literária e ensaística muito vasta e traduzida em inúmeros idiomas, do francês e do espanhol ao russo e ao chinês. Obteve diversos prémios, entre eles o de Vida Literária da Associação Portuguesa de Escritores, o prémio Fernando Namora, o Ricardo Malheiros da Academia das Ciências, etc.
De entre os seus maiores êxitos de crítica e de público, lembramos A Noite Roxa, Bastardos do Sol, Os Insubmissos, Imitação da Felicidade, Fuga Imóvel, Violeta e a Noite, O Supremo Interdito, Nunca Diremos Quem Sois, A Estação Dourada.
Urbano Tavares Rodrigues, que foi afastado do ensino universitário durante as ditaduras de Salazar e Caetano, participou ativamente na resistência e foi preso e encarcerado por várias vezes nos anos sessenta.
Faleceu no dia 9 de agosto de 2013, em Lisboa.

(ver mais)
A Erva Canta

A Erva Canta

10%
Publicações Europa-América
17,50€ 10% CARTÃO
portes grátis
Para Além da Guerra - Volume II

Para Além da Guerra - Volume II

10%
Publicações Europa-América
21,90€ 10% CARTÃO
portes grátis
As Máscaras Finais

As Máscaras Finais

10%
Publicações Europa-América
8,00€ 10% CARTÃO
Casa de Correcção

Casa de Correcção

10%
Publicações Europa-América
17,50€ 10% CARTÃO
portes grátis
Angústia para o Jantar

Angústia para o Jantar

10%
Areal Editores
14,70€ 10% CARTÃO
Autópsia de um Mar de Ruínas

Autópsia de um Mar de Ruínas

10%
Dom Quixote
16,90€ 10% CARTÃO
portes grátis