10% de desconto
editor: Relógio D'Água, maio de 2020
As Telefones é uma homenagem ao género literário da diáspora, o telefonema.

«Um dia, ainda vamos ter férias de cruzeiros, filha, vais ver. Um dia, ainda vamos num desses barcos com piscina comer bolinhas de melão, beber champanhe, o mambo todo, nós duas pretas finas e uns criados de lacinho a encherem-nos as taças. A Mamã acredita, filha. Deus é fiel. Vai chegar a nossa vez. Férias mesmo já estão no fim, eh, filha. Passou rápido. Passa bem rápido. Não chora, não. Tempo corre, corre. Mas a Mamã sabe, filha. Um dia, vamos.»

As Telefones

de Djaimilia Pereira de Almeida

Propriedade Descrição
ISBN: 9789897830112
Editor: Relógio D'Água
Data de Lançamento: maio de 2020
Idioma: Português
Dimensões: 151 x 232 x 8 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 88
Tipo de produto: Livro
Coleção: Ficção Portuguesa
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789897830112
e e e E E

As Telefones, de Djaimilia Pereira de Almeida

Pedro Quintela

No seu mais recente trabalho, Djaimilia Pereira de Almeida oferece-nos um conjunto de narrativas altamente fragmentadas, pequenos registos de conversas, entre Portugal e Angola, que procuram atenuar as distâncias, frequentemente em jeito de desabafo. Os diálogos são quase sempre (senão mesmo sempre) entre mulheres, o que justifica o título no feminino. Interessante e bem escrito, embora considere pessoalmente menos interessante do que outras obras desta autora. Finalmente, uma última nota para a capa e contracapa do livro, desenhada a partir de uma gravura de Deborah Salles.

e e e E E

Ao telefone

Luis Jorge

A banalidade do uso da comunicação à distancia dá para tudo, até para matar os afectos e desistir de estar com o outro. O livro foi pensado antes do actual momento de distancias que nos são impostas e aconselhadas para a nossa sobrevivência e salvação. Mas é muito boa a ideia da banal das conversas mãe - filha chegar a outras dimensões existenciais. Mais um bom livro desta escritora.

Djaimilia Pereira de Almeida

(Luanda, 1982) Vencedora do Prémio Novos 2016 - categoria Literatura, estreou-se no romance em 2015 com Esse Cabelo (Teorema). Ajudar a Cair, um retrato ensaístico do Centro Nuno Belmar da Costa, foi publicado, em 2017, pela Fundação Francisco Manuel dos Santos. Em 2018, publicou Luanda, Lisboa, Paraíso (Companhia das Letras Portugal). Licenciada em Estudos Portugueses na Universidade Nova de Lisboa, doutorou-se em Teoria da Literatura, na Universidade de Lisboa, em 2012. Em 2013, foi uma das vencedoras do Prêmio de Ensaísmo serrote, atribuído pela Revista serrote (Instituto Moreira Salles, Brasil); em 2016, esteve entre os finalistas do 8º ciclo da Rolex Mentor and Protégé Arts Initiative. Publicou em Common Knowledge, Granta.com, Granta Portugal, Ler, Revista Pessoa, Quatro Cinco Um, Revista serrote, Words Without Borders, Revista Zum, entre outras.

(ver mais)
A Lua de Bruxelas

A Lua de Bruxelas

10%
Relógio D'Água
15,30€ 17,00€
portes grátis
Esse Cabelo

Esse Cabelo

10%
Relógio D'Água
16,00€ 10% CARTÃO
portes grátis
Luanda, Lisboa, Paraíso

Luanda, Lisboa, Paraíso

10%
Companhia das Letras
11,66€ 12,95€
Luanda, Lisboa, Paraíso

Luanda, Lisboa, Paraíso

10%
Companhia das Letras
17,45€ 10% CARTÃO
portes grátis
A Noite das Barricadas

A Noite das Barricadas

10%
Relógio D'Água
18,00€ 10% CARTÃO
portes grátis
Caronte à Espera

Caronte à Espera

10%
Elsinore
15,95€ 10% CARTÃO
portes grátis