20% de desconto

A Rapariga Apanhada na Teia de Aranha

Millennium IV

de David Lagercrantz

Livro eBook
editor: Dom Quixote, setembro de 2015
Neste thriller carregado de adrenalina, a genial hacker Lisbeth Salander e o jornalista Mikael Blomkvist enfrentam uma nova e perigosa ameaça que os leva mais uma vez a unir as suas forças.
Uma noite, Blomkvist recebe um telefonema de uma fonte confiável declarando ter informação vital para os Estados Unidos. A fonte tinha estado em contacto com uma jovem mulher, uma super-hacker que se parecia com alguém que Blomkvist conhecia bem de mais. As consequências são surpreendentes.
Blomkvist, a precisar urgentemente de um furo jornalístico para a Millennium, pede ajuda a Lisbeth, que, como habitualmente, tem a sua agenda própria. Em A Rapariga Apanhada na Teia de Aranha, o duo que fez vibrar 80 milhões de leitores com Os Homens Que Odeiam as Mulheres, A Rapariga que Sonhava com uma Lata de Gasolina e um Fósforo e A Rainha no Palácio das Correntes de Ar encontra-se de novo num actual e extraordinário thriller.

A Rapariga Apanhada na Teia de Aranha

Millennium IV

de David Lagercrantz

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722058094
Editor: Dom Quixote
Data de Lançamento: setembro de 2015
Idioma: Português
Dimensões: 154 x 234 x 33 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 512
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Policial e Thriller
EAN: 9789722058094
e e e e E

Uma aventura

Maria Manuela Ferreira

Adorei ler mais este livro e é uma leitura empolgante, assustadora, nervosa, no final vencem os bons mas ... a aventura continua. Boa leitura.

e e e e E

Aquela última frase....

Diana

Um thriller excelente que no geral não desilude os fãs de Larsson. Há, porém, dois apontamentos incontornáveis: a omnipresença do narrador é por vezes excessiva, arruinando o suspense do futuro de certas personagens. Não sei como, mas sei que lhe vai suceder algo. Não gostei. Agora, o pior de tudo, aquilo que faria Lisbeth explodir na sua fúria, provocar o revirar de olhos em Mikael e talvez até deitar o livro numa caixa para doações, é aquela última frase. Exagerada, pirosa;terminei um livro incrível e o autor/ editor/ tradutor estragam o feeling de dever cumprido, sim.... todos culpados ( o último menos, mas eu sabotaria a tradução!!!) Por momentos hesitei se teria lido um volume da série Millennium, ou se era um daqueles livros de literatura cor de rosa que ocupa ocasionalmente o top de vendas!!! Dou 4 estrelas por causa da frase que estragou o meu final.

e e e e E

Millennium - IV

Felisberto Santos

Simplesmente fabuloso esta continuidade da saga Millennium, a sua leitura torna-se viciante, havendo um desejo de conhecer o final da história o mais rápido possível.

e e e E E

Inevitável comparação

Elizabete Alves

Torna-se evidente que o autor pretende continuar uma história nos mesmos moldes de escrita e de enredos dos livros anteriores. As primeiras 150 páginas não passam de enquadramentos e tentativas de contextualização que por vezes se torna fastidiosa. Todavia, acaba por ser um livro interessante, sobretudo para quem leu os anteriores e consegue tirar partido das particularidades diferentes que inevitavelmente todos os escritores têm entre si . Não obstante, por muito espírito aberto que tenhamos e vontade de querer continuar a apreciar uma saga que começou de forma excepcional, não é possível que não vejamos que a qualidade diminuiu consideravelmente.

e e E E E

Um pouco decepcionante...

Mónica G.

Considero os livros anteriores mais ricos e muito mais bem escritos. Julgo que este autor colocou a saga Millennium numa categoria muito inferior ao legado de Stieg Larson.

e e e E E

Continuidade

Rui Peixoto

Apesar de ser um autor diferente, nota-se que tentou emular o estilo do criador da série. Nota-se aqui e ali, que poderá ser um pouco forçado na escrita, mas no geral mantém um bom nível. Desta vez um livro que se centra muito mais nas novas tecnologias e abre espaço para a continuação da série.

e e e e E

Recomendo - envolvente

Margarida Matisi

Um livro que começa "morno" mas, à medida que se vai avançando na história, vai-se tornando cada vez mais envolvente... até que para o final não se consegue largar. Na minha opinião, o autor foi muito bem escolhido, respeitando o legado de Stieg Larson, bem como as suas personagens. Estas mantêm o mesmo encanto, a sua personalidade misteriosa, forte e envolvente. Consegue ainda dar continuidade a mistérios do passado de uma forma muito bem conseguida. Recomendo!

e e e e e

Impossível parar!

Ana F.

Na verdade li em dois dias....e se não soubesse, acreditaria que o autor tinha sido o mesmo! Confesso que estava preocupada por não ser escrito por Stieg Larson, mas o novo autor foi uma óptima opção para dar seguimento à saga que não podia ficar sem continuação! Recomendo vivamente, toda a colecção, e espero ansiosamente pelos próximos!

e e e e e

Recomendo!

A. M.

Quem não leu a saga Millenium não tem noção do que perdeu... A morte do autor - Stieg Larson fez pensar que estava tudo terminado. A continuação foi uma boa surpresa e correspondeu às expectativas, recomendo!

e e e E E

Diferente, mas não muito

Ana Pessoa

As comparações são inevitáveis, os personagens são aqueles dos quais já tínhamos saudades. A história é envolvente, mas não apresenta grandes novidades. É um bom entretenimento.

e e e e E

transição

mpahenriques

Apesar de um arranque hesitante, talvez a fazer a ponte entre a escrita de Stieg Larsson, e a sua própria escrita, David Lagercrantz leva-nos de novo á acção e ao suspense dos livros anteriores... Uma redescoberta das personagens, e o suspense do que por aí virá. Um livro que devora o tempo, e em que toda a saga é relembrada, e trabalhada, rumando a uma continuação, mantendo aquela sensação do "frio na barriga", e que acentua a ansiedade de um novo volume...

e e e e E

Não sabia o que esperar e foi surpreendente

DR

Estava bastante apreensiva, porque não era o mesmo escritor, e a Saga Millenium é das minhas séries favoritas. Mas apesar de não ser o autor original da série, supreendeu-me e arrebatou-me neste novo livro, posso dizer que também eu fiquei apanhada na teia de aranha, adorei rever estes personagens Lisbeth e Michael.

e e e e E

Um thriller menos sangrento e mais objetivo

Pedro Alberto

É um thriller um pouco menos sangrento e menos de terror que os seus anterior com uma leitura mais objetiva. Apesar de positivo, principalmente para aqueles que leram as obras anteriores, poderá demorar um pouco a sentirem-se entusiasmados na sua leitura e entrarem no enredo da história.

e e e e E

A saga Millenium

Sónia Santos

Estava com medo de começar a ler este livro, tão altas eram as minhas expectativas. Apesar de David Lagercrantz não ser Stieg Larson, conseguiu cativar-me...aguardo o desenrolar da história de Lisbeth e Mikael.

e e e e E

apaixonante

Miguel Ramos

embora não tão apaixonante como a escrita do Larson é bastante acima da média mantendo o enredo apaixonante e gerindo as mesma personagens. aconselho vivamente a quem já leu os outros três livros

e e e e e

fenomenal

Paula M.

Para quem gosta de suspense, recomendo vivamente, mas têm de ler os anteriores (para perceber a história e conhecer as personagens)....estou viciada.....de perder a noção das horas!

e e e e e

Finalmente a continuidade

Jorge Cordeiro

Depois de ler os livros, ver a serie Sueca, a continuidade era algo natural e o preenchimento de um vazio, a continuidade de Stieg Larsson através da mão de outro autor, apesar de se notar pequenos detalhes para apreciadores dedicados, tem de tirar o chapéu, está sublime e recomendo, adorei e mal posso esperar por duas coisas, série Sueca e continuidade da escrita, aconselho a todos, e se ainda não começaram com os 3 primeiros livros, não percam tempo, avancem rapidamente.

e e e e E

a ler

Inês Brito

Para quem seguiu os primeiros três livros da saga Millenium fica com curiosidade para saber como David Lagercrantz dá seguimento a personagens tão complexas com Lisbeth e Mikael. Apesar de tudo penso que teve um bom resultado. Não é Stieg Larson, no entanto, a história está bem construída, segue a lógica da vingança dos mais fracos por Lisbeth, e deixa em aberto a continuação da saga, com o aparecimento de novas e intrigantes personagens. Veremos se David consegue manter o suspense e a intriga no futuro.

David Lagercrantz

Nascido em 1962, David Lagercrantz é um jornalista e reconhecido escritor sueco. Em 2011, publica Jag är Zlatan Ibrahimovic, que recebeu a aclamação da crítica e vendeu milhões de exemplares por todo o mundo, tendo sido traduzido para mais de trinta línguas.

Em 2013, aceitou o convite para continuar a famosa saga Millennium após a morte de Stieg Larsson e, dois anos volvidos, Lagercrantz publicou o seu primeiro volume da série, obtendo imediato sucesso internacional.

Obscuritas, com direitos de tradução vendidos para mais de vinte países, é o primeiro título da sua nova saga policial, onde dá a conhecer a peculiar dupla de investigadores Rekke e Vargas.

(ver mais)
A Rapariga que Viveu Duas Vezes

A Rapariga que Viveu Duas Vezes

20%
Dom Quixote
17,52€ 21,90€
portes grátis
O Homem que Perseguia a Sua Sombra

O Homem que Perseguia a Sua Sombra

20%
Dom Quixote
17,52€ 21,90€
portes grátis
A Rainha no Palácio das Correntes de Ar

A Rainha no Palácio das Correntes de Ar

20%
Dom Quixote
19,92€ 24,90€
portes grátis