A Mecânica do Sexxo XXI

de Luís Adriano Carlos

editor: Quasi Edições, abril de 2003
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Obra de grande fôlego deste poeta, que aqui se apresenta como uma versão muito aumentada de A Mecânica do Sexxo XX, originalmente editado em 1983. Um texto de verso quase sempre longo, a marcar uma respiração voraz, como voraz é o sujeito poético.

A Mecânica do Sexxo XXI

de Luís Adriano Carlos

Propriedade Descrição
ISBN: 9789728632809
Editor: Quasi Edições
Data de Lançamento: abril de 2003
Idioma: Português
Dimensões: 146 x 196 x 6 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 72
Tipo de produto: Livro
Coleção: Uma existência de papel
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Poesia
EAN: 9789728632809
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
Luís Adriano Carlos

Luís Adriano Carlos nasceu em 1959. Começou a aprender a difícil arte do verso como letrista de canções. Em 1977, participou na gravação de um disco EP numa editora portuense, como vocalista, instrumentista, letrista e compositor. Só no início do séc. XXI voltaria a retomar o interesse pela criação musical, através do alter-ego Aristoxen, compositor in the box de peças eletrónicas em estilo fusion, clássico e experimental.
Em 1983, tendo já difundido poemas dispersamente, estreou-se com um livro de título extravagante, A Mecânica do Sexo XX, logo depois de ter iniciado, na Faculdade de Letras do Porto, a carreira académica como professor de literatura e estética, sua exclusiva atividade profissional até hoje, a par de incursões na crítica, no ensaísmo e na intervenção cultural.
Quando publicou o segundo livro de poemas, Invenção do Problema (1986), soube por um sábio professor entretanto jubilado que não se fazia carreira académica com versos, mas ainda não compreende com que é que se faz. Deu a lume outros livros de poesia até 2006 e agora regressa.
Foi galardoado, por júri de cinco elementos, com o Grande Prémio de Ensaio Literário da Associação Portuguesa de Escritores / Portugal Telecom em 1999, a pretexto de um estudo sobre a fenomenologia do discurso poético. Recebeu outros prémios de ensaio e poesia.
Deu à estampa cerca de duzentos títulos, entre artigos e livros, alguns de outros autores por si editados. Assegura que não escreve poesia com pontualidade. É autor de obras de pintura, uma das suas paixões mais discretas.

(ver mais)
Invenção do Problema

Invenção do Problema

10%
Quasi Edições
5,50€ 10% CARTÃO
A Noite o Que É?

A Noite o Que É?

10%
Quasi Edições
10,08€ 10% CARTÃO
Horas de Língua

Horas de Língua

10%
Quasi Edições
3,00€ 10% CARTÃO
Nenhum Lugar e Sempre

Nenhum Lugar e Sempre

10%
Quasi Edições
3,00€ 10% CARTÃO