10% de desconto

Sete Aulas sobre Linguagem, Memória e História

de Jeanne Marie Gagnebin

idioma: português do brasil, português
editor: Diversos, janeiro de 2005

A comparação entre os textos sobre história e filosofia gregas e aqueles que examinam a posição crítica de Adorno e Benjamin nos encaminham, na leitura deste conjunto de trabalhos, para uma reflexão que talvez seja capaz de reunir em profundidade as diversas abordagens. Na antiguidade, a angústia da morte fez nascer um desejo de imortalidade cuja realização dividiu-se entre a poesia, a história e a filosofia, cada uma buscando à sua maneira preservar para sempre o heroísmo, a ação e os pensamentos de um ser perturbado pela iminência do desaparecimento. Na modernidade, a angústia da perecibilidade, que Benjamin tão profundamente analisou na obra de Baudelaire, está irremediavelmente contaminada pela experiência de uma imortalidade mistificada que os homens nomeiam como progresso. A totalização abstrata, ao roubar o lugar da individualidade singular de homens e eventos, não mais permite uma esperança individual - e tampouco a aspiração coletiva, que somente se realiza nos confins da individualidade.Altaneiros, creditando-se foros de nobreza e fidalguia herdados da sua vida secular na Península Ibérica, mantiveram-se por muito tempo afastados dos seus demais correligionários provenientes de outras regiões da Europa. Mas o tempo agiu implacavelmente.

Sete Aulas sobre Linguagem, Memória e História

de Jeanne Marie Gagnebin

Propriedade Descrição
ISBN: 9788531209413
Editor: Diversos
Data de Lançamento: janeiro de 2005
Idioma: Português do Brasil, Português
Dimensões: 140 x 209 x 10 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 188
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Ciências Sociais e Humanas > Filosofia
EAN: 9788531209413