10% de desconto

Seja um Texto de Paixão

Onde se mostra que sem a Filosofia não haveria Europa

de Fernando Belo

editor: Edições Colibri, novembro de 2018
VENDA O SEU LIVRO i
"O Ocidente e a Europa são, e apenas eles, no que tem de mais interior a sua marcha histórica, originalmente filosóficos. É o que atestam o nascimento e a dominação das ciências. É porque elas têm a sua fonte no que a marcha histórica do Ocidente europeu tem de mais interior, entenda-se o encaminhamento filosófico, é por isso que elas estão hoje em estado de dar à história do homem em toda a terra a sua marca específica."
(Heidegger)

Dois motivos ligam entre si os ensaios aqui reunidos, escritos e quase todos publicados na década de 90. Os primeiros nove andam em torno do motivo de texto e de escrita, da paixão de ler, escrever, pensar, compreender. Vão todavia abrindo neles o segundo motivo que ocupará sobretudo os cinco textos finais: os incalculáveis efeitos da Filosofia fora dela. Em última análise, é a Europa como modernidade que é o seu grande efeito.

Seja um Texto de Paixão

Onde se mostra que sem a Filosofia não haveria Europa

de Fernando Belo

Propriedade Descrição
ISBN: 9789896897932
Editor: Edições Colibri
Data de Lançamento: novembro de 2018
Idioma: Português
Dimensões: 157 x 228 x 12 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 202
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Ciências Sociais e Humanas > Filosofia
EAN: 9789896897932
Fernando Belo

Até aos 40 anos. Duas licenciaturas, em engenharia civil (IST, 1956) e teologia (Paris, 1968), com 12 anos de clérigo entre elas, tendo tido um maravilhoso professor de filosofia, o P. Honorato Rosa. Esta época saldou-se com a publicação de Lecture matérialiste de l’évangile de Marc. Récit, pratique, idéologie (1974), trad. castelhana, alemã e americana, articulando uma leitura textual da narrativa (R. Barthes) à estrutura social da Palestina da época (Althusser, Bataille), no contexto do estruturalismo francês, aliança da filosofia com ciências sociais e humanas.
Após os 40 anos. O livro, em tempos de revolução, abriu as portas do departamento de Filosofia da Faculdade de Letras de Lisboa (1975-2003), docente de Filosofia da linguagem e doutorado com tese sobre epistemologia da semântica saussuriana, (1989). Da Linguística às outras Ciências, esse ensino saldou-se pela publicação de Le Jeu des Sciences avec Heidegger et Derrida, (2 vol. 2007), entre outros livros, como Heidegger, pensador da Terra (2012), Seja um texto de paixão Onde se mostra que sem a Filosofia não haveria Europa e dos blogues Filosofia com Ciências (textos de fundo) e Filosofia mais Ciências 2 (textos de ocasião).

(ver mais)