Retalhos de Uma Vida Sacerdotal

de Joaquim Ventura

editor: Chiado Books, fevereiro de 2016
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Ao responder aos pedidos de tantos amigos — dando à luz do dia alguns traços do caminho que a Igreja, de quem sou servo, me foi abrindo ao longo de 60 anos de ministério sacerdotal — esteve longe de mim pôr em realce méritos pessoais.
Apenas e só quis destacar situações em que a providência divina atuou de forma mais visível, servindo-se da pobre mediação humana.

Retalhos de Uma Vida Sacerdotal

de Joaquim Ventura

Propriedade Descrição
ISBN: 9789895158591
Editor: Chiado Books
Data de Lançamento: fevereiro de 2016
Idioma: Português
Dimensões: 138 x 220 x 19 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 218
Tipo de produto: Livro
Coleção: Bíos
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Biografias
EAN: 9789895158591
Joaquim Ventura

Nascido no lugar e freguesia do Juncal, concelho de Porto de Mós, em 4 de Fevereiro de 1929, Joaquim Rodrigues Ventura é o segundo dos seis filhos que os pais, Francisco Ventura e Rosa de Jesus Rodrigues, deram ao mundo.
Entrou no Seminário de Leiria em 1941, onde fez os estudos preparatórios, filosóficos e teológicos, tendo sido ordenado sacerdote em 20 de julho de 1952 pelo Bispo D. José Alves Correia da Silva.
Começou o seu ministério sacerdotal na novel paróquia da Atouguia; continuou a sua missão na B.A.5 de Monte Real - integrando o primeiro grupo de capelães da Força Aérea; deu corpo, vivificou e abraçou, ao longo de 50 anos como padre-educador, o Colégio de S. Miguel, obra sonhada pelo bispo fundador D. João Pereira Venâncio que veio a tornar-se uma referência nacional no ensino particular e cooperativo.
Nas diversas missões que lhe foram confiadas, enquanto servo do Evangelho, sempre gostou de dar tudo, sem esperar qualquer recompensa humana, nem homenagens de reconhecimento pelo seu trabalho.
Contudo, o seu passar não foi indiferente para muitos.
Dele existe um busto no interior da igreja da Atouguia, realizado pelo artista atouguiense, Manuel Jorge Pereira — homenagem ao primeiro pároco.
Foi condecorado com um louvor de 1º Capelão da Unidade, pela Base Aérea nº 5 de Monte Real.
Foi distinguido em 1995 com a atribuição da MEDALHA DE MÉRITO MUNICIPAL, por serviços relevantes prestados à causa do Concelho, pela Câmara Municipal de Ourém.
Foi-lhe atribuído pelo jornal Região de Leiria na sua «XIV Gala», em 2012, o Troféu Personalidade.

(ver mais)