Primeiras Estórias

de João Guimarães Rosa

idioma: português do brasil
editor: Editora Nova Fronteira, janeiro de 2001
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Este livro é certamente o melhor livro para se começar a entender Guimarães Rosa. A maioria dos contos desenrola-se numa região não especificada, mas reconhecível como a das obras anteriores, embora o seu cenário seja apenas esboçado. É o espaço que circunscreve os seus míticos personagens, e tão amplo como aquele outro, o mundo real, de cujos habitantes esses personagens são outras facetas. Contos em que sobressaem os costumes e a linguagem das gentes de Minas. Inclui "A terceira margem do rio", clássico da literatura transformado em filme por Nelson Pereira dos Santos em 1993. É certamente o melhor livro para o jovem ser apresentado à literatura de Guimarães Rosa. Adquirido pela Secretaria de Educação do Governo do Estado de São Paulo. Prêmio Jabuti de Produção Gráfica (menção honrosa) em 2002.

Primeiras Estórias

de João Guimarães Rosa

Propriedade Descrição
ISBN: 9788520911518
Editor: Editora Nova Fronteira
Data de Lançamento: janeiro de 2001
Idioma: Português do Brasil
Dimensões: 150 x 230 x 20 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 236
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Contos
EAN: 9788520911518
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
João Guimarães Rosa

João Guimarães Rosa (1908-1967) nasceu em Cordisburgo, no interior de Minas Gerais. Numa entrevista de 1965, resume assim a sua biografia: «Sim, fui médico, rebelde, soldado. Foram etapas importantes de minha vida, e, a rigor, esta sucessão constitui um paradoxo. Como médico conheci o valor místico do sofrimento; como rebelde, o valor da consciência; como soldado, o valor da proximidade da morte...; e, para que isto não pareça demasiadamente simples, queria acrescentar que também configuram meu mundo a diplomacia, o trato com cavalos, vacas, religiões e idiomas.» Figura decisiva da literatura brasileira do século XX, publicou Sagarana (1946), Corpo de Baile (1956), Grande Sertão: Veredas (1956), Primeiras Estórias (1962) e Tutaméia (1967). Morreu subitamente aos 59 anos, três dias depois de tomar posse na Academia Brasileira de Letras, deixando vários inéditos e um singularíssimo arquivo literário, laboratório do seu trabalho radical sobre a língua literária.

(ver mais)
Grande Sertão: Veredas

Grande Sertão: Veredas

20%
Companhia das Letras
19,16€ 23,95€
portes grátis
Primeiras Estórias

Primeiras Estórias

10%
Tinta da China
15,21€ 16,90€
Aldeia da Bruma

Aldeia da Bruma

10%
PARTENON
12,00€ 10% CARTÃO
Rimbaud-Verlaine

Rimbaud-Verlaine

10%
Sistema Solar
15,00€ 10% CARTÃO