10% de desconto

Ovídio - Poemas do Desterro

de Albano Martins

editor: Edições Afrontamento, abril de 2017
Públio Ovídio Nasão, o autor de A Arte de Amar, das Metamorfoses, dos Fastos, das Heróides e algumas outras obras menos conhecidas e que Dante, na sua galeria de poetas, coloca logo depois de Homero e Horácio, nasceu em Sulmona, na região dos Abruzzos, a 20 de março do ano 43 a.C. faleceu em Tomos (a actual Constança, na Roménia) no ano 17 d.C. no termo de uma viagem tormentosa, por mar e por terra, a Tomos, precisamente, chegava Ovídio no ano 8 d.C., deportado por ordem do imperador Augusto, desconhecendo-se, até hoje, os verdadeiros motivos que estiveram na origem de tal decisão.

Camões, no início da sua III Elegia, fala do sulmonense Ovídio desterrado / na aspereza do Ponto, e dele, ou antes, do seu doloroso desterro, falam também longamente os poemas compostos desde a sua saída de Roma, durante a viagem e no decurso da sua permanência em Tomos, logo enviados para a capital do império, onde foram recebidos com natural expectativa, dada a posição social e a situação de banido do seu autor.

São os poemas reunidos sob os títulos de Tristia (Tristes) e Epistulae ex Ponto (Cartas do Ponto ou, simplesmente, Pônticas), obras que, embora escritas, ambas, em dístico elegíaco, recebem títulos diferentes pelo facto de, na segunda, os poemas terem um destinatário expresso, o que não sucede na primeira. Os poemas selecionados para este livro Poemas do Desterro pertencem a estas duas obras.

Ovídio - Poemas do Desterro

de Albano Martins

Propriedade Descrição
ISBN: 9789723615050
Editor: Edições Afrontamento
Data de Lançamento: abril de 2017
Idioma: Português
Dimensões: 143 x 214 x 8 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 120
Tipo de produto: Livro
Coleção: Poesia - Série Antologias
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Poesia
EAN: 9789723615050
Albano Martins

Albano Martins nasceu em 1930 na aldeia do Telhado (Fundão) e faleceu em 2018 em Vila Nova de Gaia. Licenciado em Filologia Clássica pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa foi professor na Universidade Fernando Pessoa, no Porto. Dedicou-se também, à tradução de poetas (gregos do período clássico, italianos, espanhóis e sul-americanos). Em 1998, foi-lhe atribuído o Grande Prémio de Tradução Literária, pela sua versão de "Canto Geral", de Pablo Neruda (Campo das Letras, 1998).
Tem colaborações, em prosa e verso, dispersas por numerosos jornais e revistas, nacionais e estrangeiros e os seus poemas estão traduzidos em diversas línguas.

(ver mais)
Poesia Traduzida

Poesia Traduzida

10%
Edições Afrontamento
14,00€ 10% CARTÃO
Três Momentos da Poesia Europeia

Três Momentos da Poesia Europeia

10%
Edições Afrontamento
14,00€ 10% CARTÃO
Antologia da Poesia Grega Clássica

Antologia da Poesia Grega Clássica

10%
Edições Afrontamento
22,01€ 10% CARTÃO
portes grátis
A Guerra Civil (Farsália)

A Guerra Civil (Farsália)

10%
Relógio D'Água
19,50€ 10% CARTÃO
portes grátis
Poesia Traduzida

Poesia Traduzida

10%
Edições Afrontamento
14,00€ 10% CARTÃO