O Feitiço de Xangai

de Juan Marsé

editor: Campo das Letras
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i

Prémio da Crítica e Prémio Aristeion

Os sucessivos aparecimentos e desaparecimentos dos "maquis" que vêm do outro lado da fronteira são a única coisa que anima a vida cinzenta de um bairro de Barcelona na época mais dura do pós-guerra. Este romance é o relato da aventura de um desses heróis míticos, que embarca rumo a Xangai para cumprir uma missão perigosíssima entre pistoleiros, ex-nazis, belas mulheres e sinistros clubes nocturnos.
Em "O Feitiço de Xangai", um dos seus mais conseguidos, amenos e significativos romances, Juan Marsé conta a história dessa aventura e, sobretudo, o efeito que o relato provoca nuns jovens cujas vidas não levam a lado nenhum. Daí que o feitiço deste romance não esteja tanto na apresentação da vida real quanto na da imaginação. Uma rajada de ar fresco num tempo morto de um país morto e, ao mesmo tempo, um magistral romance dentro do romance.
Obra adaptada ao cinema pelo realizador por Fernando Trueba.

O Feitiço de Xangai

de Juan Marsé

ISBN: 9789728146252
Editor: Campo das Letras
Idioma: Português
Dimensões: 207 x 138 x 21 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 224
Tipo de produto: Livro
Coleção: Campo da Literatura
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789728146252
Juan Marsé

Juan Marsé (1933-2020) nasceu em Barcelona e passou a infância e juventude no bairro popular de Gracia.
Entre os 13 e os 26 anos trabalhou como operário numa oficina de joalharia.
A sua carreira literária começou em 1959, ano em que começou a publicar crónicas em revistas literárias e em que obteve o Prémio Sésamo de contos. Desde então publicou diversas obras, muitas delas premiadas: "Últimas Tardes com Teresa" (1966; Prémio Biblioteca Breve 1965), "Se Te Dicen que Caí" (1973, edição definitiva 1989; Prémio Internacional de Romance México), "La Muchacha de las Bragas de Oro" (1978; Prémio Planeta 1978), "Ronda del Guinardó" (1984; Prémio Ciudad de Barcelona), "El Amante Bilingue" (1990; Prémio Ateneo de Sevilha), "O Feitiço de Xangai" (1993; Campo das Letras 1995; Prémio da Crítica e Prémio Aristeion) e "Rabos de Lagartixa" (2000; Campo das Letras 2003; Prémio da Crítica e Prémio Nacional de Literatura, ambos em 2001). Foi ainda galardoado com o Prémio Juan Rulfo 1997 e o Prémio Internacional Unión Latina 1998. " Em 2008 foi-lhe atribuído o Prémio Cervantes.

(ver mais)
20%
Campo das Letras
11,20€ 14,00€
portes grátis
20%
Campo das Letras
10,36€ 12,95€
portes grátis
20%
Dom Quixote
12,72€ 15,90€
portes grátis
20%
Dom Quixote
12,72€ 15,90€
portes grátis