10% de desconto

O Buraco na Parede

Livro 1

de Rubem Fonseca

editor: Campo das Letras, abril de 1996
São oito contos, rápidos e intensos, oito paragens numa vertiginosa viagem que mais uma vez nos mergulha impiedosamente no universo urbano brasileiro, no que ele tem de mais sórdido, violento e perturbador. Uma viagem guiada por personagens quase sempre desamparadas: polícias e marginais, escritores fracassados, novos-ricos frustrados, mulheres e homens desesperadamente sós…

O Buraco na Parede

de Rubem Fonseca

Propriedade Descrição
ISBN: 9789728146733
Editor: Campo das Letras
Data de Lançamento: abril de 1996
Idioma: Português
Dimensões: 137 x 210 x 12 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 190
Tipo de produto: Livro
Coleção: Campo da Literatura
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789728146733
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
Rubem Fonseca

Nasceu em Juiz de Fora (Minas Gerais), no Brasil, a 11 de maio de 1925. É um dos mais prestigiados escritores brasileiros contemporâneos e um dos expoentes máximos da literatura de língua portuguesa. Traduzido em todo o mundo, foi galardoado com seis prémios Jabuti e, pelo conjunto da sua obra, com o Prémio Camões em 2003. Em 2015, recebeu o Prémio Machado de Assis, da Academia Brasileira de Letras (ABL).
É autor de uma vasta obra narrativa, contista e romancista, que tem vindo a ser publicada em Portugal, desde 2010, pela Sextante Editora. Os romances Agosto e A Grande Arte são duas das suas obras incontornáveis, exemplos máximos da sua escrita sóbria e de um realismo «duro» que fez escola na literatura brasileira: «todas as palavras devem ser usadas», disse uma vez numa entrevista.
A Carne Crua — uma coleção de 26 contos inéditos, lançada em Portugal há precisamente um ano —, que viria a ser a sua derradeira criação, juntam-se atualmente no catálogo da Sextante os romances O Seminarista, Buffo & Spallanzani (Prémio Literário Casino da Póvoa do Correntes d’Escritas), A Grande Arte, Agosto e O Selvagem da Ópera, os livros de contos Calibre 22, Axilas & Outras Histórias Indecorosas, Histórias Curtas e Amálgama, e a autobiografia de infância intitulada José.
Rubem Fonseca faleceu no Rio de Janeiro a 15 de abril de 2020, vítima de um enfarte do miocárdio. Após a sua morte foi editado O Doente Molière.

(ver mais)
Romance Negro e Outras Histórias

Romance Negro e Outras Histórias

10%
Campo das Letras
12,95€ 10% CARTÃO
Mandrake

Mandrake

10%
Campo das Letras
12,95€ 10% CARTÃO
Agosto

Agosto

10%
Leya
10,00€ 10% CARTÃO
A grande arte

A grande arte

10%
Sextante Editora (chancela)
16,65€ 10% CARTÃO
portes grátis
Pedro e Paula

Pedro e Paula

Editorial Presença
15,90€
A Ruiva

A Ruiva

10%
Assírio & Alvim
11,10€ 10% CARTÃO