O Fantasma do Rei Leopoldo. Uma história de voracidade, terror e heroísmo na África colonial

editor: Editorial Caminho, abril de 2002
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Edmund Morel é, em finais da década de 1890, funcionário de uma companhia de navegação britânica. Ao chegar do Congo, estranhou que os navios da sua companhia trouxessem valiosos carregamentos de borracha e marfim e em troca levassem apenas soldados, abastecimentos militares e armas. O Congo era então a mais recente colónia «adquirida» pelo rei Leopoldo II da Bélgica. Morel acabou por compreender, com horror, que a origem daqueles carregamentos só podia ser uma: trabalho escravo em larga escala. Deixa o emprego e torna-se o mais importante jornalista-investigador do seu tempo. Conseguiu, através da denúncia do regime escravista do Congo e dos milhões de vidas humanas sacrificadas, despertar consciências e unir o mundo numa mesma causa. Durante anos a fio foi capaz de manter esta questão nas primeiras páginas dos jornais e desmascarar o rei Leopoldo perante a opinião pública como um homem da maior voracidade, ardiloso, dúplice, sedutor, um vilão que rivalizaria com qualquer figura romanesca.
Um texto brilhante, este notável estudo que Hochschild intitulou O Fantasma do Rei Leopoldo.

O Fantasma do Rei Leopoldo. Uma história de voracidade, terror e heroísmo na África colonial

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722114578
Editor: Editorial Caminho
Data de Lançamento: abril de 2002
Idioma: Português
Dimensões: 145 x 210 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 488
Tipo de produto: Livro
Coleção: Estudos Africanos
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Ensaios
EAN: 9789722114578
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
De África a Timor

De África a Timor

10%
Edições Humus
25,44€ 10% CARTÃO
portes grátis
Áfricas

Áfricas

10%
Edições Humus
20,00€ 10% CARTÃO
portes grátis