Nascida das Águas e o 16 de Março de 1974

História da cidade das Caldas da Rainha em Banda Desenhada

de José Ruy

editor: Âncora Editora, março de 2018
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Caldas da Rainha sempre foi conhecida como terra da democracia, liberdade e tolerância. Lembrar o 16 de Março é, acima de tudo, homenagear o Movimento dos Capitães que conduziu Portugal à Liberdade e à Democracia.

Apesar de ter sido uma tentativa sem sucesso, todos os estudos e protagonistas confirmam que este golpe foi precursor e impulsionador do 25 de Abril. Na verdade, o insucesso da mesma veio ajudar a uma melhor preparação do golpe militar do 25 de Abril e antecipar o mesmo, pois muitos dos valorosos militares encontravam-se detidos e com futuro incerto.

Ao publicarmos em banda desenhada a história das Caldas da Rainha e do golpe do 16 de Março, queremos alertar as gerações mais novas para a importância do mesmo e para a necessidade de vivermos a democracia no nosso dia a dia. Prestamos através desta obra a nossa grande homenagem aos valorosos militares que naquela noite tiveram a coragem de partir do antigo Regimento de Infantaria 5, apenas com o pensamento de restituir a liberdade aos Portugueses.

Uma palavra de agradecimento ao José Ruy e à sua editora, bem como a todos os que se disponibilizaram a colaborar nesta edição para que este livro pudesse ser publicado.

Nascida das Águas e o 16 de Março de 1974

História da cidade das Caldas da Rainha em Banda Desenhada

de José Ruy

Propriedade Descrição
ISBN: 9789727806379
Editor: Âncora Editora
Data de Lançamento: março de 2018
Idioma: Português
Dimensões: 209 x 296 x 3 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 32
Tipo de produto: Livro
Coleção: Banda Desenhada
Classificação temática: Livros em Português > Banda Desenhada > Histórica
EAN: 9789727806379
José Ruy

José Ruy (1930-2022) nasceu na Amadora. Cursou Artes Gráficas e habilitação a Belas Artes na Escola António Arroio, onde foi discípulo do Mestre Rodrigues Alves, e dos pintores Costa Mota, Trindade Chagas e Júlio Santos. Iniciou-se como autor de textos e desenhos com 14 anos, tendo publicados 85 álbuns, 54 dos quais em Banda Desenhada, com destaque para: Aristides de Sousa Mendes; Peter café Sport e o Vulcão do Faial; A Ilha do Futuro; Fernão Mendes Pinto e a sua Peregrinação; Carolina Beatriz Ângelo – Pioneira no Voto e na Cirurgia; Os Lusíadas e João de Deus – A Magia das Letras, estes também com edição em mirandês. Tem colaborado em muitos jornais e revistas, nomeadamente em «Cavaleiro Andante» e «O Mosquito», tendo editado e dirigido uma 2.ª série desta publicação. O rigor na investigação e qualidade dos seus trabalhos foi apreciada em todo o país. Foram-lhe atribuídos 27 prémios. Expôs com sucesso em vários países da Europa, na China, no Japão e no Brasil. Primeiro autor a ser galardoado com o Prémio de Honra do Festival Internacional de Banda Desenhada da Amadora, em 1990. No ano seguinte foi distinguido com a Medalha Municipal de Ouro de Mérito e Dedicação da sua cidade natal, onde o seu nome está atribuído a uma escola e a uma avenida. Referenciado no «Dictionnaire mondial de la bande dessiné, Larousse» edição de 1998, e com destaque no «Larousse de la BD» em 2004.

(ver mais)
Mirandés - Stória Dua Lhéngua i Dun Pobo

Mirandés - Stória Dua Lhéngua i Dun Pobo

10%
Âncora Editora
11,00€ 10% CARTÃO
O Juiz de Soajo

O Juiz de Soajo

10%
Âncora Editora
8,00€ 10% CARTÃO
História de Pinhel

História de Pinhel

10%
Âncora Editora
11,00€ 10% CARTÃO
História de Gouveia

História de Gouveia

10%
Âncora Editora
11,00€ 10% CARTÃO