10% de desconto

Escrita Científica

Da folha em branco ao texto final

de Luis Adriano Oliveira

editor: Lidel, setembro de 2018
Guia de boas práticas para dissertações, teses e publicações de investigação
Escrita científica é, antes de tudo, escrita. E se é certo que um bom nível de redação não garante, por si só, qualidade do conteúdo relatado, não é menos verdade que uma má escrita pode, simplesmente, arrasar um excelente conteúdo! A relevância desta constatação é claramente verbalizada pela própria comunidade científica, quando reconhece que, nos dias de hoje, publicar é condição de sobrevivência.

A garantia do sucesso de qualquer texto científico resulta, assim, da conjugação de dois fatores determinantes: qualidade do conteúdo a partilhar; e mérito da forma como esse conteúdo é relatado. O presente livro focaliza, sobretudo, o segundo destes dois requisitos: valorizar o conteúdo através de um bom relato. Refletindo o percurso profissional do autor, escrita científica é, aqui, preferencialmente centrada em ciências da natureza e matemática (incluindo, por exemplo, engenharia, física, química, geologia, agronomia ou, mesmo, medicina e economia). Entretanto, grande parte do que se escreve é, também, aplicável às áreas do conhecimento que designamos por ciências humanas e ciências sociais.

Em tom dialogal e usando linguagem simples, mas rigorosa, o livro dirige-se, em primeira instância, a quem se empenha em relatar trabalho científico, procurando conferir-lhe o maior grau de impacto possível. Estudantes de mestrado ou de doutoramento, mas também autores de artigos científicos - a publicar em revistas especializadas, a apresentar em reuniões científicas ou, mesmo, a divulgar nos meios de comunicação social -, são, portanto, público privilegiado desta obra.

Para além do universo académico (ensino superior, universitário ou politécnico), o livro estende-se, igualmente, ao mundo empresarial, em particular a empresas industriais apostadas na diferenciação inovadora e na partilha dessa inovação pela via escrita. Recheado de exemplos ilustrativos e incluindo exercícios práticos de escrita, o livro acompanha o leitor na elaboração do seu próprio texto, desde que é confrontado com o desafio de uma folha em branco, até à fase das derradeiras verificações, conducente à versão final.

Escrita Científica

Da folha em branco ao texto final

de Luis Adriano Oliveira

Propriedade Descrição
ISBN: 9789897523403
Editor: Lidel
Data de Lançamento: setembro de 2018
Idioma: Português
Dimensões: 166 x 238 x 11 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 232
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Ensino e Educação > Ensino Técnico
EAN: 9789897523403
e e e e E

O domínio da escrita científica

Carlos Serejo

Obra essencial para quem quiser dominar ou ficar a conhecer melhor a escrita científica. Ainda que direcionado para os académicos que tencionam elaborar as suas teses ou publicar os seus trabalhos científicos, este livro serve para todos os leitores que têm o intuito de escrever bem. Um bom complemento para outras obras idênticas.

e e e e e

Bom Livro

Luís Filipe Ramos Soares da Costa

Excelente para quem se quer dedicar à escrita científica.

e e e e e

guia para investigações

JOANA R.

Excelente livro para orientar o processo de escrita científica

e e e e e

Mais um livro a não perder!

MMSN

Comprei o livro para ler e para o recomendar aos meus alunos. Este é que tem mesmo tudo o que um aluno e um professor enfrentam quando têm que produzir. A escrita científica e alguns dos seus segredos são revelados de forma clara e transparente.

Luis Adriano Oliveira

Professor Catedrático do Departamento de Engenharia Mecânica da Universidade de Coimbra, aposentado desde 2014, onde assegurou a regência da disciplina de Mecânica dos Fluidos, de 1980 a 2014. Diploma de "Docteur Ingénieur" pela universidade francesa de Poitiers (1981), Doutoramento (1986) e Agregação (1998) pela Universidade de Coimbra.

(ver mais)