A Lisboa de Miguel de Cervantes

Tierra, Tierra! Aunque Mejor Diria: Cielo, Cielo!

de Maria Fernanda de Abreu; Ilustração: Nuño Abreu

editor: Edições Colibri
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
"Regressado do cativeiro em Argel, Miguel de Cervantes esteve uns meses em Lisboa. Tinha viajado pela Itália meridional, participado na Batalha de Lepanto, vivido em cativeiro no Norte de África e desembarcado em Barcelona no seu regresso à Península Ibérica, que depois veio a atravessar. Das costas mediterrânicas à costa atlântica, na cidade do Tejo. Na sua última obra, Los trabajos de Persiles y Sigismunda, historia setentrional, publicada um ano depois da sua morte, em 1616, conta dos mares, ilhas e gentes do Norte e das terras e gentes do Sul por onde peregrinam os seus protagonistas depois de desembarcar em Lisboa.

Foi há 400 anos e este livrito pretende, modestamente, homenagear a obra e o autor. Um dos personagens do livro de Cervantes é Manuel de Sousa Coutinho - o futuro escritor português Frei Luís de Sousa que Camilo tanto admirou e Garrett consagrou no seu drama romântico. Movido pela «curiosidade a procurar na novela de Cervantes a prova da amizade íntima», «ou sequer a prova de se terem conhecido», ao tempo em que ambos estiveram cativos no norte de África, Camilo Castelo Branco traduziu e comentou o episódio do enamorado português. Por isso, aqui se reproduz também parte desse texto de Camilo.

Que o leitor amantíssimo de Cervantes disfrute, com muito gosto, de um livro enorme que o seu autor quis que fosse de entretenimento! Vale. Enfim, vendo eu passado o limite dos dois anos, voltei a suplicar a seu pai ma desse por esposa. Ai de mim, que não é possível deter-me nestas circunstâncias, porque às portas da vida me está a chamar a morte e temo que não me vai dar já espaço para contar as minhas desventuras: que, se isso acontecesse, não as teria eu por tal! Finalmente, um dia avisaram-me que, num domingo próximo, me entregariam a minha desejada Leonor, notícia esta que pouco faltou para tirar-me a vida, tal foi o meu contentamento. Convidei os meus parentes, chamei os meus amigos, fiz trajes de gala, enviei presentes, com todos os requisitos que pudessem mostrar ser eu quem me casava e Leonor a que ia ser minha esposa."

A Lisboa de Miguel de Cervantes

Tierra, Tierra! Aunque Mejor Diria: Cielo, Cielo!

de Maria Fernanda de Abreu; Ilustração: Nuño Abreu

ISBN: 9789896897215
Editor: Edições Colibri
Idioma: Português
Dimensões: 148 x 208 x 5 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 80
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > História da Literatura
EAN: 9789896897215
Chiado Books
13,00€ 10% CARTÃO
Estratégias Criativas
25,00€ 10% CARTÃO
portes grátis