10% de desconto

A Curva do Rio

de V. S. Naipaul; Tradução: José Vieira de Lima

editor: Quetzal Editores, outubro de 2011
Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para a Formação de Adultos, como sugestão de leitura.

Situada num país africano sem nome, a história é narrada por Salim, um jovem adulto filho de comerciantes indianos há muito estabelecidos naquele bocado de costa. Ele acredita que que o mundo é o que é e que quem não é alguém não tem lugar nele. Assim, decide abandonar a faixa costeira e torna-se dono da sua própria loja numa pequena cidade em crescimento, no interior mais remoto do continente. Este lugar, esta "curva no rio", porém, é um micro-cosmo da África pós-colonial no momento da sua independência: um cenário de caos, mudança, violência, guerras tribais, ignorância, isolamento e pobreza. Desta paisagem riquíssima, emerge uma das obras mais poderosas de V.S. Naipaul, a Curva do Rio - uma emocionante história de sublevação e desmoronamento social.

“O mestre da prosa inglesa moderna.”
The New York Review of Books

“Brilhante e aterrador.”
Observer

“A variedade de exemplos humanos e a busca de causas sociais de fundo mostram um espírito tolstoiano.”
John Updike

A Curva do Rio

de V. S. Naipaul; Tradução: José Vieira de Lima

Propriedade Descrição
ISBN: 9789725649763
Editor: Quetzal Editores
Data de Lançamento: outubro de 2011
Idioma: Português
Dimensões: 149 x 235 x 28 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 416
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789725649763
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
e e e e e

A curva do rio

Cláudia Santos

Uma história sobre uma realidade que depressa se transforma em sofrimento. Uma narrativa sobre a colonização e as inadaptações dos colonizados. Uma leitura muito envolvente.

e e e e E

Diferente

Ana Rita Ramos

África fascina-me! O facto de este livro se passar num país sem nome apenas designado por curva do rio é intrigante. Acompanhei a história aos olhos do narrador Salim no período pós-colonial.

e e e e e

Independências ?

António Baptista

Os povos mereciam mas foram feitas e baseadas nas fronteiras dos colonizadores. Os "povos" não se entendem e não estão preparados para tal missão. Logo aparecem os salvadores (e os padrinhos ) com armas e poder da força aí está. Um retrato da África que temos mas não queríamos ter. Muito bem escrito.

e e e e E

vale a pena

guilherme

O escritor leva-nos numa grande viagem através de África, partindo da sua costa oriental, na orla do Índico, até aos meandros de um grande rio no interior. Esta é também uma grande viagem de um homem jovem ao encontro de si mesmo.

V. S. Naipaul

PRÉMIO NOBEL DA LITERATURA 2001

Vidiadhar Surajprasad Naipaul nasceu em Trinidade, em 1932. Passou a viver em Inglaterra em 1950, onde estudou, em Oxford. É autor de uma riquíssima obra de ficção e não ficção, tendo alcançado, depois de vários prémios, o mais alto galardão literário. Em 1990, V.S. Naipaul foi ordenado Cavaleiro, pelo seu serviço prestado à Literatura, e em 2001 recebeu o Prémio Nobel da Literatura.

(ver mais)
Um Caminho no Mundo

Um Caminho no Mundo

10%
Quetzal Editores
22,20€ 10% CARTÃO
portes grátis
Para Além da Crença

Para Além da Crença

10%
Quetzal Editores
22,20€ 10% CARTÃO
portes grátis
A Erva Canta

A Erva Canta

Em stock - envio até
10%
Publicações Europa-América
17,50€ 10% CARTÃO
portes grátis
Henderson, o Rei da Chuva

Henderson, o Rei da Chuva

10%
Relógio D'Água
16,00€ 10% CARTÃO
portes grátis