20% de desconto

Tabula Rasa

2º Festival Literário de Fátima - A Literatura e o Sagrado

de Renato Epifânio

editor: Zéfiro
Assumimos o lema "Muito mais do que um Festival Literário" e o volume que aqui se apresenta justifica-o plenamente. Depois de, no I Festival, termos abordado a relação entre A Literatura e a Filosofia, desta vez o mote foi A Literatura e o Sagrado. Assim, dissertámos sobre "O sagrado nas várias tradições religiosas": nomeadamente, nas tradições católica, islâmica, judaica e druídica - bem como sobre "O sagrado no pensamento, na música e nas artes plásticas".

A dimensão internacional lusófona do I Festival também se manteve, com uma série de intervenções sobre A Literatura e o Sagrado nos diversos países e regiões do amplo e plural espaço de língua portuguesa. Essa dimensão internacional lusófona já se tornou, de resto, uma das marcas maiores dos Festivais Tabula Rasa.

Tabula Rasa

2º Festival Literário de Fátima - A Literatura e o Sagrado

de Renato Epifânio

ISBN: 9789896771706
Editor: Zéfiro
Idioma: Português
Dimensões: 169 x 239 x 16 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 338
Tipo de produto: Livro
Coleção: Nova Águia
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Ensaios
EAN: 9789896771706
Renato Epifânio

Renato Epifânio é Professor Universitário; Membro do Instituto de Filosofia da Universidade do Porto, da Direção do Instituto de Filosofia Luso-Brasileira, da Sociedade da Língua Portuguesa e da Associação Agostinho da Silva; investigador na área da "Filosofia em Portugal", com dezenas de estudos publicados, desenvolveu um projeto de pós-doutoramento sobre o pensamento de Agostinho da Silva, com o apoio da FCT: Fundação para a Ciência e a Tecnologia, para além de ser responsável pelo Repertório da Bibliografia Filosófica Portuguesa: www.bibliografiafilosofica.webnode.com; Licenciatura e Mestrado em Filosofia na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa; doutorou-se, na mesma Faculdade, no dia 14 de Dezembro de 2004, com a dissertação Fundamentos e Firmamentos do pensamento português contemporâneo: uma perspetiva a partir da visão de José Marinho; autor das obras Visões de Agostinho da Silva (2006), Repertório da Bibliografia Filosófica Portuguesa (2007), Perspectivas sobre Agostinho da Silva (2008), Via aberta: de Marinho a Pessoa, da Finisterra ao Oriente (2009), A Via Lusófona: um novo horizonte para Portugal (2010), Convergência Lusófona (2012/ 2014/ 2016), A Via Lusófona II (2015), A Via Lusófona III (2017) e A Via Lusófona IV (2019). Dirige a Nova Águia: Revista de Cultura para o Século XXI e a Coleção de livros com o mesmo nome (Zéfiro). Preside ao MIL: Movimento Internacional Lusófono desde a sua formalização jurídica (2010). É, desde 2021, Membro do Conselho Supremo da SHIP: Sociedade Histórica da Independência de Portugal.

(ver mais)