10% de desconto

Sentidos Despertos

Coletivo de Poesia

editor: Edições Vieira da Silva, março de 2020
Ser Poeta
Ser poeta é ser mais alto, é ser maior
Do que os homens! Morder como quem beija!
É ser mendigo e dar como quem seja
Rei do Reino de Aquém e de Além Dor!

É ter de mil desejos o esplendor
E não saber sequer que se deseja!
É ter cá dentro um astro que flameja,
É ter garras e asas de condor!

É ter fome, é ter sede de Infinito!
Por elmo, as manhãs de oiro e cetim…
É condensar o mundo num só grito!

E é amar-te, assim, perdidamente…
É seres alma e sangue e vida em mim
E dizê-lo cantando a toda a gente!

(Florbela Espanca, Charneca em Flor, in Poesia Completa)

Sentidos Despertos

Coletivo de Poesia

Propriedade Descrição
ISBN: 9789897793295
Editor: Edições Vieira da Silva
Data de Lançamento: março de 2020
Idioma: Português
Dimensões: 148 x 217 x 11 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 178
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Poesia
EAN: 9789897793295
Sensações das Tormentas

Sensações das Tormentas

10%
Edições Vieira da Silva
10,00€ 10% CARTÃO
Da janela do meu (a)Mar

Da janela do meu (a)Mar

10%
Edições Vieira da Silva
10,00€ 10% CARTÃO