O Que Sabemos do Amor

de Raymond Carver

editor: Quetzal Editores, janeiro de 2010
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
O Que Sabemos do Amor é a versão original dos dezassete contos escritos por Raymond Carver e publicados, num formato alterado pelo editor, com o titulo De Que Falamos Quando Falamos de Amor pela Alfred A. Knopf, em Abril de 1981.

A fonte dessa edição - o seu texto base - é o manuscrito que Carver entregou a Gordon Lish, à altura o seu editor Knopf, na Primavera de 1980. O manuscrito, que Lish cortou em em amis de cinquenta por cento após duas reescritas linhas por linha, encontra-se preservado na Biblioteca Lilly da Universidade do Indiana. Os contos originais de Carver foram recuperados transcrevendo as palavras que este bateu à maquina e que est\ao escondidas debaixo das alterações e cortes que Lish fez à mão.

O Que Sabemos do Amor

de Raymond Carver

Propriedade Descrição
ISBN: 9789725648452
Editor: Quetzal Editores
Data de Lançamento: janeiro de 2010
Idioma: Português
Dimensões: 150 x 228 x 18 mm
Encadernação: Capa mole
Tipo de produto: Livro
Coleção: Serpente Emplumada
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789725648452
e e e e E

Contos à medida de Carver

Maria Teresa Meireles

Uma colectânea que nos coloca bem no meio do universo e da prosa de Carver. Alguns destes contos já apareciam num outro livro da mesma editora.

e e e e E

Histórias extraordinárias sobre pessoas normais

Rita Oliveira

Este livro é a versão integral de outro mais conhecido, De que falamos quando falamos de amor. Nesse, mais de cinquenta por cento do original dos 17 contos tinha sido cortado pelo editor, e a verdade é que esses cinquenta por cento deviam fazer falta, pois nesta versão não se sente que haja nada a mais. Ao seu estilo, Carver retrata em cada conto vidas de pessoas normais com problemas normais, mas sempre com um toque de bizarria e sempre vivendo em tristes subúrbios norte-americanos. Pescadores, pessoas que bebem por lazer ou por necessidade, jogadores de bingo e tantos, tantos outros anónimos. Há conversas, muitas, e relativamente poucos acontecimentos, mas necessários, porque dão origem às ditas conversas. Carver morreu muito novo, com apenas 50 anos, não tendo tipo para escrever além dos contos, mas teria muita curiosidade em saber como seria um romance escrito por ele. É que cada conto tem pano para mangas.

e e e e E

A não perder!

Gabriela

Estou a adorar o livro. Já o tinha lido numa anterior edição que sofreu grandes cortes e é uma aventura descobrir tanto que tinha sido cortado e tentar perceber a razão pela qual o editor assim procedeu. Recomendo.

Raymond Carver

Raymond Carver nasceu no Oregon em 1938. Casou-se muito cedo, o que o obrigou a relegar a escrita para segundo plano para poder sustentar a família. Publicou regularmente em revistas, mas só começou a ser conhecido com Will you Please be Quiet, Please? O livro que o consagrou foi De Que Falamos Quando Falamos de Amor, que, sabe-se hoje, é uma versão drasticamente editada de Beginners — o conjunto de contos originais que Carver apresentou à Alfred A. Knopf e que a Quetzal agora publica com o título O Que Sabemos do Amor. Um dos maiores contistas norte-americanos do século XX, Raymond Carver foi também poeta e ensaísta.

(ver mais)
O Segundo Sexo - vol 1

O Segundo Sexo - vol 1

20%
Quetzal Editores
15,04€ 18,80€
O Colibri

O Colibri

10%
Quetzal Editores
18,80€ 10% CARTÃO
portes grátis
De Que Falamos Quando Falamos de Amor

De Que Falamos Quando Falamos de Amor

10%
Relógio D'Água
14,00€ 10% CARTÃO
What We Talk About When We Talk About Love

What We Talk About When We Talk About Love

10%
Vintage Publishing
12,86€ 10% CARTÃO
Os Papeis de Rachel

Os Papeis de Rachel

10%
Quetzal Editores
7,50€ 10% CARTÃO
Falconer

Falconer

10%
Sextante Editora (chancela)
15,50€ 10% CARTÃO