10% de desconto

O Estado do Estado

Ensaios de política constitucional sobre justiça e democracia

de Paulo Castro Rangel

Livro eBook
editor: Dom Quixote, abril de 2009
VENDA O SEU LIVRO i
A actual crise financeira e económica tem suscitado um renovado interesse pelo Estado, pela sua intervenção, pela sua virtual capacidade de pilotagem e conformação social (ou, mais precisamente, «societal»). Este «entusiasmo pelo Estado», prenhe de um Keynesianismo romanceado, não olha para o Estado enquanto forma histórica de organização politica das comunidades humanas.
Olha, isso sim, com zelo pragmático e nostalgia ideológica, para uma das «formas de vida», hipóstases ou «incarnações» do Estado: a do Estado interventor. No actual patamar de desenvolvimento das formas de composição politica, talvez seja ainda suficiente, mas é inegavelmente pouco.

O Estado do Estado

Ensaios de política constitucional sobre justiça e democracia

de Paulo Castro Rangel

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722038201
Editor: Dom Quixote
Data de Lançamento: abril de 2009
Idioma: Português
Dimensões: 153 x 233 x 30 mm
Páginas: 192
Tipo de produto: Livro
Coleção: Participar
Classificação temática: Livros em Português > Política > Política em Geral
EAN: 9789722038201
Paulo Castro Rangel

Paulo Artur dos Santos Castro de Campos Rangel<7b> (Vila Nova de Gaia, 18 de Fevereiro de 19681 ) é um jurista e político português.

Licenciado em Direito, em 1991, pertence ao Corpo Docente Centro Regional do Porto da Universidade Católica Portuguesa, onde rege a disciplina de Ciência Política. Ao longo da sua experiência académica, foi bolseiro da Deutscher Akademischer Austausch Dienst, o que lhe permitiu fazer investigação no estrangeiro, nos campos do Direito Constitucional, do Direito Administrativo e da Ciência Política, no Instituto Universitário Europeu e nas universidades de Bolonha, Génova e Freiburg. A sua investigação sobre a teoria do federalismo e a constituição europeia, o estatuto constitucional do poder judicial e sistemas de governo, deram origem ao livro Repensar o Poder Judicial, de 2001. É também consultor jurídico, especialmente no campo do Direito Administrativo , e exerceu a advocacia na Osório de Castro, Verde Pinho, Vieira Peres, Lobo Xavier & Associados, de 1999 a 2005, sendo um dos atuais sócios da Cuatrecasas, Gonçalves Pereira & Associados, desde 2006. Quando ingressou na política ativa preparava, na Universidade Nova de Lisboa, a sua tese de doutoramento em Direito Constitucional, sob a orientação de Gomes Canotilho.

Entrou na política quando lhe confiaram a redacção do programa de candidatura do PSD e do CDS-PP à Câmara Municipal do Porto, encabeçada por Rui Rio, em 2001. Aproximou-se então do CDS-PP, chegando a filiar-se, a convite de Lobo Xavier. Quando Aguiar-Branco foi nomeado ministro da Justiça do XVI Governo Constitucional (PSD/CDS-PP), foi chamado a desempenhar as funções de secretário de Estado Adjunto da Justiça. Nas listas do PSD, foi eleito deputado à Assembleia da República, pelo Círculo do Porto, em 2005 . Com a chegada de Manuela Ferreira Leite à Comissão Política Nacional, foi eleito presidente do Grupo Parlamentar do PSD, em Junho de 2008 . Em 2009 foi a escolha de Ferreira Leite para encabeçar a lista do partido às eleições para o Parlamento Europeu , das quais saiu vencedor . No Parlamento Europeu coordena o Grupo Europeu do PSD e é vice-presidente do Grupo Parlamentar do PPE. Em Fevereiro de 2010 candidatou-se à liderança do PSD , saíndo derrotado por Pedro Passos Coelho.

Entre as restantes actividades que exerceu foi membro do Conselho de Redacção da revista Jurisprudência Constitucional e do Conselho Editorial da Universidade Católica Portuguesa, é colunista regular no jornal Público e comentador pontual da RTP. É membro da Direcção da Associação Comercial do Porto, desde 2007, e do Conselho de Administração da Fundação Robert Schuman, desde 2009. Foi distinguido com o Prémio D. António Ferreira Gomes, da Universidade Católica (1986), com o Prémio René Cassin, do Conselho da Europa (1989), e com a Ordem do Mérito da República Federal da Alemanha (2009).

(ver mais)
O Meu Sá Carneiro

O Meu Sá Carneiro

10%
Dom Quixote
12,95€ 10% CARTÃO
A Corda do Enforcado

A Corda do Enforcado

10%
Dom Quixote
24,90€ 10% CARTÃO
portes grátis