Não Sou Eu Que Grito

de Jozsef Attila

editor: Lumiar, maio de 1986
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
O que espanta na primeira abordagem à poesia de Attila Jozsef, é a sua franqueza, a sua brutalidade até, a sua maneira directa. Notar-se-á o quanto as suas imagens cintilam como que fora da sua dura vida: elas são bebidas na sua experiência de miserável, de ser errante, de militante, marcada pelo seu país. Ele tem o dom de exultar, de elevar qualquer coisa ao nível em que a derrota pessoal se torna vitória sobre a infelicidade. Ele denuncia sempre, e precisamente em nome do alto nível que atinge no poema, muito mais do que em nome dos princípios previamente admitidos. Por essa mesma acção, denunciando, ele anuncia. Anuncia como poeta.

Não Sou Eu Que Grito

de Jozsef Attila

Propriedade Descrição
ISBN: 5600322579823
Editor: Lumiar
Data de Lançamento: maio de 1986
Idioma: Português
Dimensões: 124 x 204 x 4 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 78
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Poesia
EAN: 5600322579823
Jozsef Attila

Attila József (11 de abril de 1905 - 03 de dezembro de 1937) foi um húngaro poeta do século XX.

(ver mais)