10% de desconto

Este Vírus que nos Enlouquece

de Bernard-Henri Lévy

editor: Editora Guerra & Paz, julho de 2020
Um livro que acorda as consciências. Um hino à liberdade.
VENDA O SEU LIVRO i
Em Este Vírus Que Nos Enlouquece, Bernard-Henri Lévy contesta os que querem aproveitar o coronavírus para arrasar o que a civilização ocidental tem de melhor. Contra os que pretendem ver no vírus uma mensagem, contra o alarmismo do apocalipse, contra os obcecados pelo decrescimento e contra outros defensores da penitência, Lévy contesta a ideia de que no recomeço, após a pandemia, "nada deve ser como antes". Pelo contrário, contra um mundo refém do medo, temos de voltar à confiança do aperto de mão, dos abraços e das viagens. Neste livro, o filósofo denuncia a tentativa visível de utilização da pandemia pelos usurários da morte e pelos tiranos da obediência, cujo objectivo é estrangularem a liberdade dos cidadãos a coberto da urgência sanitária e do delírio higienista.
Estamos perante o que chama «O Primeiro Medo Mundial» e um vento de loucura assola o planeta: este livro recorre ao pensamento, à história e à filosofia para nos ajudar a encarar com racionalidade uma pandemia que não é a primeira, nem foi a mais mortífera que a humanidade até hoje conheceu.
Um livro em defesa da vida em toda a sua plenitude, convivial, amorosa, política. Um livro em defesa das portas da liberdade que são aeroportos, viagens, cosmopolitismo e comércio.

Este Vírus que nos Enlouquece

de Bernard-Henri Lévy

Propriedade Descrição
ISBN: 9789897025631
Editor: Editora Guerra & Paz
Data de Lançamento: julho de 2020
Idioma: Português
Dimensões: 149 x 199 x 7 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 104
Tipo de produto: Livro
Coleção: Livros Vermelhos
Classificação temática: Livros em Português > Ciências Sociais e Humanas > Sociologia
EAN: 9789897025631
e e e e e

Um contributo para aclarar ideias

Sílvia Remondes

Mergulhados neste contexto pandémico em que mais de meio mundo parece já enlouquecido este livro é de leitura essencial. Os vírus: SARS-COV-2, COVID-19 e o medo vistos por Bernard-Henri Lévy, um despertador de consciências que deixa por entre linhas várias mensagens de alerta...

e e e e e

Este Vírus que nos Enlouquece

carlos jardim

É um bom contributo para a compreensão da loucura (e Medo) que está subjacente ao Vírus que invadiu as nossas vidas. A Ler.

e e e e E

Ensaio em contramão

Maria Simão

Um livro em que o autor partilha a sua visão sobre os actuais contextos sociais decorrentes da pandemia, numa reflexão em que os valores humanos e sociais são equacionados, tal como a dimensão humanas de serem as principais vítimas das decisões políticas tomadas a nível global. Mais uma achega importante para manter a lucidez.

e e e e e

Lucidez em tempo de obscuridade

Filipe Moreira

Uma análise pungente, corajosa e responsável. De leitura obrigatória, principalmente agora, mas sempre.

Bernard-Henri Lévy

Bernard-Henri Lévy nasceu na Argélia, a 5 de novembro de 1948, tendo partido com a família para França pouco depois.
Epistemólogo de formação, ingressou na filosofia pela porta da história das ciências e tornou-se um dos líderes dos chamados Nouveaux, corrente filosófica, mediática e editorial que surgiu em meados dos anos 70 do século XX, representada sobretudo por militantes oriundos da esquerda maoista francesa, envolvidos na crítica ao totalitarismo.
O filósofo e escritor foi considerado pelo The Boston Globe «talvez o mais proeminente intelectual na França da atualidade».
Assina uma crónica semanal, Le Bloc-Notes, na revista Le Point e conta com dezenas de livros publicados, entre os quais La Barbarie à visage humain (1977), o seu monumental Le Siècle de Sartre (2000), Réflexions sur la guerre, Le mal et la fin de l’histoire (2001), Qui a tué Daniel Pearl? (2003) – Prémio Livros e Direitos do Homem, o vivíssimo diálogo com Michel Houellebecq em Ennemis publics (2008), Pièces d’identité (2010) – Prémio Saint-Simon, ou L’Esprit du judaïsme (2016). Na Guerra e Paz editores, publicou Este Vírus Que Nos Enlouquece, sobre a crise provocada pela covid-19, e agora Solidão de Israel, resposta à barbárie do Hamas no 7 de outubro de 2023 e à guerra que se seguiu.

(ver mais)
Escravatura

Escravatura

10%
Editora Guerra & Paz
14,90€ 10% CARTÃO
Carta à Geração que Vai Mudar Tudo

Carta à Geração que Vai Mudar Tudo

10%
Editora Guerra & Paz
14,50€ 10% CARTÃO
Elogio dos Intelectuais

Elogio dos Intelectuais

30%
Edições 70
12,24€ 20% + 10% CARTÃO
Solidão de Israel

Solidão de Israel

Pré-lançamento
10%
Editora Guerra & Paz
13,50€ 15,00€
O Futuro por Contar

O Futuro por Contar

10%
Objectiva
13,95€ 10% CARTÃO
Factfulness - Factualidade

Factfulness - Factualidade

10%
Temas e Debates
15,93€ 17,70€
portes grátis