Conselhos a Um Jornalista

de Voltaire

idioma: português do brasil, português
editor: Martins Fontes, janeiro de 2006
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
VOLTAIRE, FRANÇOIS MARIE AROUETVoltaire - pseudônimo de François-Marie Arouet - nasceu em 1694 na cidade de Paris. Ainda menino, foi mandado a um colégio jesuíta para educar-se, mas a experiência não parece ter gerado bons frutos: escritor já reconhecido, Voltaire diria que o ensino religioso só lhe teria ensinado 'latim e estupidades'. Tendo escrito obras de polêmica política, foi um dos autores que inspiraram alguns dos nomes da Revolução Francesa. Autor muito prolífico, Voltaire faleceu em 1778, tendo escrito dramas, poemas e páginas antológicas de filosofia e ficção que, mesmo à sua época, repercutiram enormemente em todo o mundo.

Conselhos a Um Jornalista

de Voltaire

Propriedade Descrição
ISBN: 9788533622302
Editor: Martins Fontes
Data de Lançamento: janeiro de 2006
Idioma: Português do Brasil, Português
Dimensões: 150 x 230 x 20 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 169
Tipo de produto: Livro
Coleção: Voltaire Vive
Classificação temática: Livros em Português > Ciências Sociais e Humanas > Comunicação e Jornalismo
EAN: 9788533622302
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
Voltaire

François-Marie Arouet nasceu em Paris no ano de 1694 e foi registado como filho de um bem-sucedido notário parisiense, François Arouet, e da sua esposa, embora ele próprio suspeitasse ser filho da Sra. Arouet e de um poeta menor.
Após estudos num colégio jesuíta, no qual apreciou sobretudo as peças de teatro escolares, decidiu lançar-se numa carreira literária e na sociedade: uma e outra lhe valeram duas estadias na prisão da Bastilha (por uns panfletos satíricos primeiro, por uma briga com um nobre depois). Ao sair da prisão deu a si próprio o nome de Senhor de Voltaire. Foi dramaturgo, historiador, filósofo, divulgador científico, homem de negócios, membro da Academia das Ciências de França, agricultor, proprietário, investidor de capital de risco, ativista dos direitos civis e humanos, homem da corte desterrado no campo e, sobretudo, o autor mais célebre, admirado e odiado do seu tempo.
Morreu em 1778, pouco depois de regressar a Paris após um exílio de mais de vinte anos. A sua obra é extensíssima e nunca foi esgotada numa só coleção. A Voltaire Foundation, de Oxford, prevê publicá-la em 85 volumes. Cândido ou o Optimismo é considerado o seu melhor «conto filosófico» e é uma das melhores novelas da história da literatura.

(ver mais)
Cândido ou o Optimismo

Cândido ou o Optimismo

10%
Tinta da China
15,90€ 10% CARTÃO
portes grátis
Cândido ou o Otimismo

Cândido ou o Otimismo

10%
Relógio D'Água
14,50€ 10% CARTÃO
O Que é Ser Jornalista

O Que é Ser Jornalista

10%
Editora Record
12,72€ 10% CARTÃO
Manual de Estilo Editora Abril

Manual de Estilo Editora Abril

10%
Editora Nova Fronteira
5,02€ 10% CARTÃO