Claraboia e Outras Estórias

de Carlos Frias de Carvalho

editor: Verbo, maio de 2016
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i


Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para o 4º ano de escolaridade, destinado a leitura autónoma.

«Claraboia e outras estórias é uma obra em verso onde a narrativa se entrelaça com a melodia, num registo sóbrio e cristalino, motivando e despertando os juvenis para leituras e cantares. Ou para os pais lerem devagar, aos mais pequenos, semeando emoções, em torno de tópicos simples da natureza e das origens.
As belíssimas e depuradas imagens de Fernanda Fragateiro vão ao encontro da palavra, não como um eco, mas como uma parte essencial de um todo, onde o silêncio e a harmonia só podem despertar o botão dos afectos.»

Claraboia e Outras Estórias

de Carlos Frias de Carvalho

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722231565
Editor: Verbo
Data de Lançamento: maio de 2016
Idioma: Português
Dimensões: 204 x 204 x 10 mm
Encadernação: Capa dura
Páginas: 56
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Infantis e Juvenis > Contos Fábulas e Narrativas > Infantil (6 a 10 anos)
EAN: 9789722231565
Carlos Frias de Carvalho

Carlos Frias de Carvalho nasceu em 1945 em Seiça-Ourém, Portugal. Concluiu o curso de Engenharia Química no Instituto Industrial de Lisboa e frequentou o curso de Química na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. Foi professor do ensino técnico. Trabalhou na indústria alimentar na área da Química Laboratorial. Foi dirigente associativo do movimento estudantil na área cultural. Colaborou em jornais como o Notícias de Ourém, Ourém e Seu Concelho, Jornal do Ribatejo, Diário de Lisboa, A Capital, Diário Popular, A República. Exilado de 1969 a 1974 em França colaborou na revista O Imigrado Português. Poeta e escritor, está representado na antologia Poemabril, edição Nova Realidade e no Cântico em honra de Miguel Torga, edição Fora do Texto. Fundador e diretor da Galeria Ara (atualmente Carlos Carvalho Arte Contemporânea) desde 1988, escreve regularmente para catálogos textos de apresentação de artistas. Com quase 30 títulos de poesia publicados, tem-se afirmado como uma das vozes mais singulares da poesia contemporânea portuguesa na procura incessante pelo silêncio que os versos podem permitir. Combustão é o seu décimo livro na Glaciar.

(ver mais)