20% de desconto

As Mulheres e a Guerra Colonial

Mães, filhas, mulheres e namoradas. A retaguarda dos homens na frente de batalha

de Sofia Branco

editor: A Esfera dos Livros, fevereiro de 2015
VENDA O SEU LIVRO i
Rezaram e fizeram promessas por eles. Escreveram-lhes centenas de aerogramas, adiando o amor, às vezes sem volta. Tornaram-se madrinhas de guerra de homens que nem sequer conheciam. Foram com eles para o território desconhecido de África, que amaram ou odiaram, ou resignaram-se a esperar por eles, com filhos nos braços. Voaram para os resgatar do mato, onde chegaram mesmo a morrer por eles, e organizaram-se, com maior ou menor cunho ideológico, para lhes aliviar a saudade, enquanto apoiavam as suas famílias. Arriscaram por eles, protegendo-lhes a retaguarda, contestando a guerra, desertando sem saberem quando voltariam ao seu país, mergulhando na clandestinidade e aderindo à luta armada, sujeitas às sevícias da polícia política e perdendo a juventude nas masmorras da prisão. Trataram deles quando voltaram, mutilados e traumatizados, e habituaram-se a amar homens diferentes daqueles com quem haviam casado. Cada uma à sua maneira, as protagonistas deste livro foram pioneiras, desbravando caminhos outrora vedados às mulheres. Mães, irmãs, filhas, amantes, companheiras, amigas, muitas mulheres viveram a guerra colonial como se também elas tivessem sido mobilizadas. Depois da guerra, também para elas nada foi como dantes.

As Mulheres e a Guerra Colonial

Mães, filhas, mulheres e namoradas. A retaguarda dos homens na frente de batalha

de Sofia Branco

Propriedade Descrição
ISBN: 9789896266455
Editor: A Esfera dos Livros
Data de Lançamento: fevereiro de 2015
Idioma: Português
Dimensões: 162 x 240 x 21 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 384
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > História > História de Portugal
EAN: 9789896266455
e e e e e

Muito interessante!

Manuela Santos

Ainda estou a ler, mas estou a adorar. Já imaginava que as mulheres do tempo da guerra não tinham sido apenas as mulheres que ficaram as chorar os maridos, namorados, irmãos. Este livro veio comprovar isso. elas foram umas lutadoras, muitas venceram a guerra à sua maneira, mas tiveram um papel importantíssimo neste período.

e e e e e

Retrato no feminino da nossa Guerra Colonial

Francisco Martins

Um relato no feminino sobre o papel das mulheres na guerra colonial. Um tema pouco comum e com pouca literatura. Sem dúvida um bom trabalho de investigação, bastante aprofundado. As histórias de 49 mulheres, de diferentes classes sociais, de diferentes ocupações, e a sua função na guerra colonial, seja o de mães, filhas, esposas, enfermeiras paraquedistas, etc. Uma narrativa cativante que certamente honra as mulheres.

e e e e E

O Outro Lado da Guerra

António Baptista

Recomendo este livro a todos os interessados na história da guerra colonial. Aqui a guerra é de sentimentos, de saudade e ansiedade de quem está longe. As vidas suspensas pela chegada do correio. Não havia balas mas o sofrimento não era menor. Mas em tantas destas mulheres a guerra continua...

Sofia Branco

Sofia Branco nasceu perto do mar, frio e revolto, na Póvoa de Varzim, onde regressa sempre que pode. Jornalista, nada lhe dá mais prazer do que escrever, contar histórias, ouvir o que cada pessoa tem para dizer. A vida trouxe-lhe muitas ondas, o curso em Coimbra, o estágio no Porto, o primeiro emprego em Lisboa, onde, à exceção de um ano no estrangeiro para fazer um mestrado em Direitos Humanos, vive desde então, sem nunca perder o sotaque, nem a têmpera do Norte. É feminista e ativista por um mundo mais justo e paritário, onde a História seja feita do relato de homens e mulheres.

(ver mais)
O Massacre Português de Wiriamu

O Massacre Português de Wiriamu

20%
Tinta da China
19,11€ 23,89€
portes grátis
Adeus, Até ao Teu Regresso

Adeus, Até ao Teu Regresso

10%
Livros Horizonte
13,12€ 10% CARTÃO