10% de desconto

As Férias

de Condessa de Ségur

editor: Oficina do Livro, novembro de 2011
Eis que chegam as férias grandes!
Na mansão de Fleurville todos estão animados: pesca, caça às borboletas, construção de cabanas… Camila, Madalena, Sofia e os seus três primos não têm mãos a medir. Mas a grande surpresa acontece com o regresso do senhor de Rosbourg e de Paulo, que todos pensavam ter morrido com os pais de Sofia, num naufrágio. As férias tomam então um gosto diferente com o relato que este primo de Sofia vai fazer das suas viagens.

As Férias

de Condessa de Ségur

Propriedade Descrição
ISBN: 9789895558223
Editor: Oficina do Livro
Data de Lançamento: novembro de 2011
Idioma: Português
Dimensões: 140 x 211 x 18 mm
Páginas: 344
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Infantis e Juvenis > Literatura Juvenil
EAN: 9789895558223
e e e e e

Intemporal

Iola Mara

Terceiro livro da saga. Apesar de se passar há muitos anos, num século passado, onde não haviam carros, os valores e as atitudes incutidos às crianças permanecem os mesmos. Uma leitura interessante e educativa.

Condessa de Ségur

Condessa de Ségur é o nome por que ficou conhecida Sophie Feodorovna Rostopchine. Nasceu a 1 de agosto de 1799 em São Petersburgo, na Rússia imperial, no seio de uma família aristocrática. A sua infância foi passada em Voronovo, propriedade magnífica que pertencia à família. A sua educação foi rigorosa e incluía a aprendizagem de línguas estrangeiras, com primazia para o francês. Em 1817, a família foi obrigada a exilar-se em Paris, e foi então que Sophie conheceu Eugène de Ségur, com quem casou em 1819, tendo tido 8 filhos.
A Condessa de Ségur começou por inventar histórias para os netos e só escreveu o seu primeiro livro aos 58 anos. Viria a publicar cerca de 20, dos quais os mais conhecidos são Os Desastres de Sofia, As Meninas Exemplares, As Férias e Memórias de Um Burro. Estas obras tornaram-na mundialmente famosa e fazem parte do imaginário de várias gerações um pouco por todo o mundo.
Morreu em Paris no ano de 1874 e é considerada uma das mais importantes escritoras de língua francesa do século XIX. As obras da Condessa de Ségur continuam a ser lidas, publicadas e adaptadas a outras formas artísticas, como o teatro e o cinema.

(ver mais)
Os Desastres de Sofia

Os Desastres de Sofia

40%
Oficina do Livro
9,73€ 30% + 10% CARTÃO
O Pequeno Lorde

O Pequeno Lorde

10%
Oficina do Livro
13,90€ 10% CARTÃO
Um Rapaz às Direitas

Um Rapaz às Direitas

10%
Clube do Autor
10,95€ 10% CARTÃO