20% de desconto

A Rocha Branca

de Fernando Campos

editor: Alfaguara Portugal, outubro de 2011
O ficcionista, cronista e investigador Fernando Campos regressa à cena literária.
RECOMENDADO PELO PLANO NACIONAL DE LEITURA i
Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para o Ensino Secundário como sugestão de leitura.

Na ilha de Lesbos, plantada no Mar Egeu, existiu uma poetisa que via no amor fonte inesgotável de inspiração para os poemas líricos que compunha. Esta é a história da poetisa mais famosa da antiguidade clássica: Safo de Lesbos. Encontramos Safo já viúva e com uma filha. Instigada pela fama de um certo jovem de beleza irresistível e sequiosa de viver novamente o amor, Safo enamora-se de Fáon, um velho barqueiro de Mitilene que as artes mágicas da deusa Afrodita transformaram no mais belo rapaz que alguma vez existiu. Dizem que o seu olhar é de luz mas a sua alma de gelo. O drama reside em que a alma ardente e jovem de Safo, presa no invólucro da velhice, ama o corpo jovem de Fáon, que encerra um espírito velho e desapaixonado. Mas Safo parece ignorar essa diferença e entrega-se sem reservas à paixão pelo homem de olhar fenício.que aconteceu naquele dia na rocha branca de Lêucade fez daquele lugar destino de peregrinação de muitas mulheres desesperadamente apaixonadas.

A Rocha Branca

de Fernando Campos

Propriedade Descrição
ISBN: 9789896721114
Editor: Alfaguara Portugal
Data de Lançamento: outubro de 2011
Idioma: Português
Dimensões: 152 x 239 x 17 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 256
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789896721114
e e e e E

Uma viagem pela Grécia Antiga

Sara Jesus

Um romance fascinante sobre a primeira poetisa da História. Gostei de imaginar a mítica Sappho à procura do seu amor perdido.

e e e e e

A Rocha Branca

Conceição Agostinho

Um livro fantástico de uma beleza singela, onde o escritor tem uma imaginação enorme, também devido ao seu conhecimento da antiguidade clássica, juntando o que sucedeu com aquilo que poderia ter sucedido no triste fim de Safo.

e e e e E

Safo hoje

Carlos M. S.

Ter Safo retratada por Fernando de Campos é uma oportunidade espantosa! Cria-se uma vida para uma personagem constante e adormecida que escreveu versos sublimes como "semelhante aos deuses". Há, claro, uma montanha de pesquisa e de leituras que marcam a construção do romance, que acaba por fortalecer a narrativa.

Fernando Campos

Fernando Campos nasceu em 1924, em Águas Santas, concelho da Maia, nos arredores do Porto, e faleceu em 2017, em Lisboa. Estudou em Coimbra onde se licenciou em Filologia Clássica e foi professor no Liceu Pedro Nunes, em Lisboa.
Para além de algumas obras didácticas e pequenas monografias de investigação etimológica e literária, é autor do romance histórico "A Casa do Pó", a sua primeira obra de fôlego a ser publicada e que o colocou entre os grandes escritores portugueses, a que se seguiram "Psiché", "O Homem da Máquina de Escrever","O pesadelo de Deus", "A Esmeralda Partida" (Prémio Eça de Queirós - 1995), "A Sala das Perguntas", "Viagem ao Ponto de Fuga", a "Ponte dos Suspiros" e "…que o meu pé prende…".
Algumas das suas obras estão traduzidas em França, Alemanha e Itália.

(ver mais)
A Casa Do Pó

A Casa Do Pó

10%
Difel
12,62€ 10% CARTÃO
Ravengar

Ravengar

10%
Alfaguara Portugal
11,90€ 10% CARTÃO
Ana de Londres

Ana de Londres

20%
Parsifal PT
10,00€ 12,50€