A Arquitectura no Estado Novo

de Pedro Vieira de Almeida

editor: Livros Horizonte, dezembro de 2002
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Por demasiado tempo o discurso crítico tem sido considerado quasi como uma reprodução, mas em tom menor, do discurso estético-filosófico. E tem sido bem complexadamente que críticos e práticos de arquitectura se aventuram nesse território desconhecido, inçado de exigentes praxes metodológicas, de complexas e subtis hermenêuticas. Por mim defendo que o discurso crítico tem a sua validade própria, que não é obrigatoriamente subsidiária, resultante da sua directa e hipotética validade filosófica. Por deliberada escolha e tentativa de coerência, procuro apenas e muito será, uma abordagem arquitectónica da arquitectura, em que o discurso permaneça tendencialmente arquitectónico, isto é, procuro que a teoria-crítica seja imediatamente aderente ao fazer arquitectura. Claro, que a abordagem de temas arquitectónicos neste trabalho terá contactos com outros domínios do saber e outras disciplinas, e que nem outra coisa era pensável. Mas espero fazê-lo sempre de maneira lateral e subsidiária e procurando garantir-me, a mim próprio, o nunca me servir de pretensos conhecimentos, para camuflar com argumentos de autoridade, fragilidades de quanto disser em sede arquitectónica.  

A Arquitectura no Estado Novo

de Pedro Vieira de Almeida

Propriedade Descrição
ISBN: 9789722412193
Editor: Livros Horizonte
Data de Lançamento: dezembro de 2002
Idioma: Português
Dimensões: 169 x 240 x 15 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 264
Tipo de produto: Livro
Coleção: Estudos de Arte
Classificação temática: Livros em Português > História > História de Portugal
EAN: 9789722412193
A Sé do Porto

A Sé do Porto

10%
Livros Horizonte
28,10€ 10% CARTÃO
portes grátis
A Cripto-História de Arte

A Cripto-História de Arte

10%
Livros Horizonte
21,14€ 10% CARTÃO
portes grátis
Espaços e Imagens da Justiça no Estado Novo

Espaços e Imagens da Justiça no Estado Novo

10%
Edições Minerva Coimbra
32,00€ 10% CARTÃO
portes grátis