Trincheiras

de José Viale Moutinho

editor: Editora Ausência, setembro de 2003
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Com a Guerra Civil de Espanha como pano de fundo, três figuras:
- Rosario Sánchez, La Dinamitera, cuja vida corajosa inspirou um célebre poema de Miguel Hernández.
- Marcos Ana, comissário político do exército popular, descoberto poeta por Rafael Alberti. Duas condenações à morte, o homem que Franco mais tempo teve atrás das suas grades.
-Joan Escuer - que lutou na Guerra Civil e na Resistência em França, prisioneiro dos SS no campo de concentração de Dachau.

Sobre No pasarán (Cenas e Cenários da Guera Civil de Espanha):
Prémio Norberto Lopes/Casa da Imprensa, 1998.
O mais importante testemunho em português sobre a barbárie fascista. (Rui Rocha, Expresso). Viale Moutinho dá-nos a conhecer a nobreza oculta e o heroísmo genuíno dos combatentes da Espanha Republicana. (Jorge Sarabando, Avante). São reportagens beligerantes, em que demonstra que pelas veias do português corre o sangue de um brigadista. (André Gomez-Flores, La Verdad)

Trincheiras

de José Viale Moutinho

Propriedade Descrição
ISBN: 9789895530267
Editor: Editora Ausência
Data de Lançamento: setembro de 2003
Idioma: Português
Dimensões: 135 x 210 mm
Páginas: 140
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Estória
EAN: 9789895530267
José Viale Moutinho

Nasceu no Funchal, em 1945. Jornalista e escritor, tem várias obras editadas, algumas delas traduzidas nas mais diversas línguas, como o russo, búlgaro, castelhano, alemão, italiano, catalão, asturiano e galego. Estreou-se em 1968 com a novela Natureza Morta Iluminada. Foi diretor da Associação Portuguesa de Escritores, da Sociedade Portuguesa de Antropologia e Etnologia, do Círculo de Cultura Teatral e presidente da Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto. É sócio do Pen Clube Português, da Academia de Letras de Campos de Jordão (Brasil) e membro honorário da Real Academia Galega. Autor de cerca de meia centena de livros para crianças, bem como de trabalhos nas áreas de investigação de Literatura Popular, da Guerra Civil de Espanha e da deportação espanhola nos campos de concentração nazis, bem como de estudos sobre Camilo e Trindade Coelho. Ficcionista e poeta, recebeu, entre outros: Grande Prémio do Conto Camilo Castelo Branco/ APE, Prémio Edmundo de Bettencourt de Conto e de Poesia, Prémios de Reportagem Kopke, Norberto Lopes/Casa da Imprensa de Lisboa e El Adelanto (Salamanca); Pedrón de Honra (Santiago de Compostela). Traduções em castelhano, galego, catalão, italiano, alemão, russo, esloveno, búlgaro, asturiano, entre outros idiomas.

(ver mais)
Literatura Tradicional Portuguesa

Literatura Tradicional Portuguesa

50%
Temas e Debates
14,64€ 40% + 10% CARTÃO
Portugal Lendário

Portugal Lendário

10%
Temas e Debates
22,41€ 24,90€
portes grátis