Poemas do Índico

de Jall Sinth Hussein

editor: Amores Perfeitos, dezembro de 2004
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i

Jall percebeu que a poesia era a forma que considerava mais cara e que melhor traduzia a tradição literária dos seus antepassados. No entanto, a sua educação passou por uma vivência entre crenças maometanas, hindus, e o cristianismo lusitano. Os autores que definitivamente marcaram o seu trajecto escreviam em língua portuguesa, e recordo-me de meu pai referir a descoberta de Sophia, Rui Knofli (que ele, aliás, conheceu), Ruy Cinatti, e Ekelöf (que meu pai tinha em inglês), além do chileno Nicanor Parra que estava sempre a citar. Jall, segundo uma carta enviada a meu pai em 1972, para Lourenço Marques, lia com regularidade autores orientais como Djamil, Al-Houtay’a, Ben Sara, Otny Cajh, Kitab Akenat, Lao Ksap, Bashô, Ransetsu, Issa ou Kyorai.
Do prefácio, António Jacinto Pascoal

Poemas do Índico

de Jall Sinth Hussein

Propriedade Descrição
ISBN: 9789728621865
Editor: Amores Perfeitos
Data de Lançamento: dezembro de 2004
Idioma: Português
Dimensões: 135 x 205 mm
Encadernação: Capa mole
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Poesia
EAN: 9789728621865
À Luz do Índico

À Luz do Índico

10%
Dom Quixote
15,50€ 10% CARTÃO
portes grátis