O Cerco de Leninegrado

de Michael Jones; Tradução: Clara Alvarez

editor: Bizâncio, novembro de 2013
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para apoio a projetos relacionados com a História Universal no Ensino Secundário.

O cerco de Leninegrado foi a tentativa de Hitler de erradicar pela fome a população de uma cidade inteira. Martirizados pela fome, pelos rigores do frio, os habitantes da cidade testemunharam os actos mais vis de miséria humana e os mais nobres actos de solidariedade. Só recentemente, muitos dos diários, poemas e pinturas feitos durante o cerco foram disponibilizados para consulta pública nos museus e arquivos de São Petersburgo. Michael Jones teve acesso a este espólio, falou com sobreviventes e traz-nos um relato de viva voz da extrema crueldade e da suprema bondade que se revelam quando a vida de todos os dias mergulha no mais absoluto horror.

«Um tributo à resistência do espírito humano.»
Herald

O Cerco de Leninegrado

de Michael Jones; Tradução: Clara Alvarez

Propriedade Descrição
ISBN: 9789725305379
Editor: Bizâncio
Data de Lançamento: novembro de 2013
Idioma: Português
Dimensões: 154 x 233 x 23 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 384
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > História > História da Europa
EAN: 9789725305379
e e e e E

O relato do que a história teima em não traduzir em números!

Nuno Pires

Michael Jones apresenta-nos outro magnifico livro sobre a opressão que os nazis realizaram sobre Leninegrado. São inúmeras as passagens que refletem o horror vivido em Leninegrado durante os 872 dias que durou o cerco, sendo "impossível" de contabilizar o número de mortes no final da opressão. Ninguém tem interesse em divulgar as perdas humanas já que os valores seriam catastróficos, no livro são apresentadas 2 referências: primeiro cerca de 600 mil mortes e depois a rondar o milhão e duzentas mil, salientando sempre a certeza que os valores serão muito superiores. Apenas um misto de coragem, sacrifício e auto-superação permitiu às tropas/população reprimir os nazis. Se o Cerco de Leninegrado foi um dos horrores da Segunda Guerra Mundial, também terá de ser conotado como o princípio do fim da opressão Hitleriana durante a Segunda Guerra Mundial. Tal como descrito no livro, houve momentos que a fuga dos nazis era tão rápida que nem o exército vermelho os conseguia acompanhar. Livro que deve fazer parte de qualquer leitor.

e e e e E

Arrepiante

Carla

São arrepiantes os relatos daquele que foi um episódio negro da história. Este livro deixa-nos uma perspectiva diferente daquilo que foi a guerra. Definitivamente um livro a ler por todos os amantes da história!

e e e e e

Será o próximo

Beatriz

As minhas desculpas, mas ainda não tive oportunidade, será o próximo com certeza!

e e e e e

Documentário Brilhante

Ana Rute P.

Não mudava absolutamente nada! Muito bem escrito, muito bem conseguido reunindo imensos relatos reias. Perspetiva da guerra na visão dos habitantes de Leningrado. Émesmo muito descritivo e chocante.

e e e e e

Fabuloso, Tocante, Revelador...

Fábio Ruela

Recomendo vivamente todos os leitores a descobrirem um episódio negro da segunda grande guerra, que passa ao lado de muitos livros de história. Brilhantemente escrito e fundamentado por Michael Jones, com recurso a documentos, imagens, depoimentos e entrevistas. A não perder.

e e e e E

História

Rita Morga

Muito bem escrito ! Recomendo a todos o que se interessam pela história da humanidade !

e e e e e

Um livro cheio de conteúdo

Paulo Lopes

Um livro com muitos detalhes históricos muito fidedignos, recomendo a todos os que gostam da História da humanidade.

Michael Jones

Doutorado em história pela Universidade de Bristol, foi professor nas Universidades de South West England, Glasgow e Winchester College.
Membro da Royal Historical Society e da Comissão Britânica de História Militar, é especialista na II Guerra Mundial e autor de vários livros, que baseia em poderosos depoimentos de testemunhas oculares, e nos quais dá especial relevo à história humana por trás das batalhas e campanhas.

Dedica-se actualmente à escrita e é consultor histórico para os media e apresentador. Além de O Cerco de Leninegrado, A Retirada e Guerra Total – De Estalinegrado a Berlim já publicados pela Bizâncio, escreveu livros sobre as batalhas de Bosworth e Agincourt. Nos últimos anos tem guiado visitas a campos de batalha da Frente Oriental.

(ver mais)
The King'S Grave

The King'S Grave

John Murray Press
16,73€
portes grátis
La Retirada

La Retirada

Editorial Crítica
22,32€
portes grátis
Estranhos Rebeldes

Estranhos Rebeldes

Editorial Presença
15,90€
portes grátis