Está Tudo Óptimo...

de João de Bragança; Ilustração: Carla Antunes; Fotografia: Nuno Carrancho

editor: Sopa de Letras, novembro de 2005
ESGOTADO OU NÃO DISPONÍVEL
VENDA O SEU LIVRO i
Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para apoio a projetos sobre o corpo humano/saúde para os 3º, 4º, 5º e 6º anos de escolaridade.

Está Tudo Óptimo... é uma atractiva compilação de receitas de cozinha capaz de proporcionar momentos de grande satisfação gastronómica aos mais novos. «Despertará nalguns o interesse pela cozinha, noutros talvez o gozo de uma tarde bem passada a sujar o que for possível com um avental que nunca será grande de mais». - in apresentação Está Tudo Óptimo...

Mas oferece também mais do que isso: uma oportunidade de ajudar aqueles que, sendo tão novos ainda, travam já na vida a séria batalha contra o cancro. Isso mesmo fica implícito na oferta que dele fazem os seus Autores à Acreditar - Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro -, bem como a todos aqueles - pais, doentes, voluntários e amigos - que «fazem a diferença nessa luta tão desigual».

As crianças surgem, nas fotografias, acompanhadas de figuras públicas, tais como Inês Castel Branco (Morangos com Açúcar), Ricardo Carriço, Filomena Cautela (Morangos com Açúcar e Mundo Meu), Diogo Amaral (Morangos com Açúcar e Mundo Meu), Rui Unas e Tiago Bettencourt (vocalista dos Toranja), que ajudaram na confecção das várias receitas e cuja presença no livro confere um interessante capital de notoriedade à obra.

Está Tudo Óptimo...

de João de Bragança; Ilustração: Carla Antunes; Fotografia: Nuno Carrancho

Propriedade Descrição
ISBN: 9789728708221
Editor: Sopa de Letras
Data de Lançamento: novembro de 2005
Idioma: Português
Dimensões: 244 x 195 x 23 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 128
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Infantis e Juvenis > Livros de Atividades
EAN: 9789728708221
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
João de Bragança

João de Bragança é formado em Engenharia Mecânica. A sua carreira profissional tem passado essencialmente por unidades industriais.

(ver mais)