Dezanove Minutos

de Jodi Picoult

Livro eBook
editor: Bertrand Editora
Uma vida marcada por um ato de vingança.
Em Sterling, New Hampshire, Peter Houghton, um estudante do liceu de dezassete anos, suportou durante anos abusos verbais e físicos por parte dos colegas. A sua melhor amiga, Josie Cormier, sucumbiu à pressão dos colegas e agora dá-se com os grupos mais populares, que muitas vezes instigam o assédio. Entretanto, um incidente marcante de bullying leva Peter a cometer um ato de extrema violência, que vai mudar para sempre a vida dos residentes de Sterling.
Dezanove Minutos é simultaneamente um romance fascinante, pungente e provocador que tem no centro uma questão inquietante. Conseguimos, mesmo, conhecer as pessoas?

«Picoult é mestre na arte de contar histórias.»
Houston Chronicle

Dezanove Minutos

de Jodi Picoult

ISBN: 9789722532617
Editor: Bertrand Editora
Idioma: Português
Dimensões: 150 x 235 x 36 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 616
Tipo de produto: Livro
Classificação temática: Livros em Português > Literatura > Romance
EAN: 9789722532617
Idade Mínima Recomendada: Não aplicável
e e e e e

Um dos melhores livros que já li!

Rosário Sousa

Gosto muito das obras de Jodi Picoult porque ela procura fontes seguras para recolher toda a informação de que necessita, antes de escrever sobre algum assunto. Além disso, com a sua profundidade consegue levar-nos ao íntimo dos seus personagens e aos locais que descreve. Este livro interessou-me desde o início ao final. Não consigo esquecer os adolescentes Peter e Josie, a sociedade atual, o poder das redes sociais, o relacionamento com os pais e professores... Penso que este livro será útil a todos os pais e educadores para sentirem como é o mundo em que as crianças e adolescentes vivem, e terem em conta que eles ainda estão em «construção» ao passo que os adultos já «solidificaram».

e e e e E

Moral para julgar?

Carolina Santos

O livro aborda a questão de termos o poder ou não para julgar os outros. Faz-nos pensar até que ponto podemos apontar o dedo a alguém. Essas pessoas também têm família… e se fôssemos nós essa família? Um livro para todas as pessoas ;)

e e e e E

Surpreendente

AC

Este é um daqueles livros em que verdadeiramente refletimos sobre tudo. Talvez pela forma sempre excecional com que Jodi Picoult caracteriza as suas personagens, atribuindo-lhes uma verdadeira densidade emocional, e pela forma como vamos sendo conhecedores do desenrolar da história e das respetivas motivações de cada personagem, damos por nós a avaliar e reavaliar constantemente aquilo que defendemos como certo e errado. A abordagem de um tema tão sensível como este só poderia ser habilmente feita por alguém como Jodi Picoult e é, como sempre, surpreendente até ao final.

e e e e e

Um livro que nos faz reflectir!

Marta Segão

Confesso que o início do livro foi um pouco confuso, e não me entusiasmou muito. Muita informação "solta", muitas personagens, diversos acontecimentos, e pouca ligação entre tudo. Mas, depois, melhora. E faz-nos reflectir. Muito! É uma história sobre relações. Relações amorosas. Relações entre pais e filhos. Relações de amizade. É uma história sobre a realidade. Sobre impotência. É uma história sobre amizades que se desfazem. Sobre comparações e expectativas. Sobre escolhas. Sobre ausências. Sobre autopreservação. Sobre bullying, e humilhação. Sobre relações abusivas. E dezanove minutos, o tempo que Peter levou a libertar o que foi guardando ao longo de 17 anos. O tempo que demorou a destruir a vida de tantas pessoas, quando a sua já estava em cacos há muito tempo. O tempo necessário para abrir os olhos, a quem sempre preferiu fechá-los. O tempo necessário para, finalmente, fazer-se ouvir. Vingar-se. Fazer justiça. E pôr fim ao sofrimento. No final, resta a lembrança. Porque, como diz Alex "Uma coisa ainda existe desde que haja alguém para a lembrar".

e e e e E

Assustadoramente triste

Cláudia Sequeira

Li este livro e nutri muita empatia com a personagem principal. O bulying é um tema muito sério e sensível. A parentalidade nestes casos também pode ser assustadora. Este livro é uma liçao para todos os agressores e mostra-nos que todas as pessoas têm um limite.

e e E E E

Medíocre

anf

Conheço bem a obra de J. Picoult, que, aliás, aprecio. Todavia, este livro, que aborda o tema do bullying, não está à altura da sua restante produção literária. Por várias vezes, cheguei a pensar não ter sido escrito pela mesma pessoa.

Jodi Picoult

Jodi Picoult, uma das romancistas mais populares da atualidade, nasceu em 1966, em Long Island, Nova Iorque. Licenciou-se em Escrita Criativa pela Universidade de Princeton – Picoult foi eleita como uma das dez mais influentes antigas alunas, numa lista que conta com personalidades como Michelle Obama ou Jeff Bezos – e obteve, depois, o grau de Mestre em Educação pela Universidade de Harvard. Autora bestseller nº 1 do New York Times, os seus romances encontram-se traduzidos para trinta e quatro línguas, em trinta e cinco países – e muitos deles adaptados ao cinema. Com uma vasta bibliografia, Picoult foi galardoada com diversos prémios, dos quais destacamos o New England Bookseller Award for Fiction, o Lifetime Achievement Award for Mainstream Fiction, atribuído pela Romance Writers of America, o Alex Award, atribuído pela Young Adult Library Services Association, e o Sarah Josepha Hale Award.

(ver mais)
Bertrand Editora
18,80€ 10% CARTÃO
portes grátis
11 X 17
10,00€ 10% CARTÃO
Bertrand Editora
16,60€ 10% CARTÃO
portes grátis
Saída de Emergência
17,70€ 10% CARTÃO
portes grátis